quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Depois da Tormenta




"E sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito" (Romanos 8:28).

Um agricultor, dono de um pequeno pedaço de terra em uma cidade interiorana nos Estados Unidos, vivia feliz ali com sua esposa e filhos. Não possuíam muitas coisas, mas o que tinham lhes proporcionava uma vida razoavelmente tranqüila.

Foi assim até que em um determinado dia uma forte tempestade atingiu a região e a enchente castigou severamente aquela família, destruindo toda a sua lavoura e deixando a sua casa sem condições de abrigá-los. Bastante abatido, após o término das chuvas, saiu para verificar se alguma coisa poderia ser aproveitada. O que viu o deixou ainda mais desanimado e angustiado. Todo o trabalho de longos meses havia sido perdido pela ação das águas. Quando estava resolvido a voltar para casa e comunicar à família que nada mais lhes restava, percebeu que algo brilhava sob os raios do sol que já aparecia. Aproximou-se e descobriu que, em um dos buracos abertos pela enchente havia uma pedra que ao ser examinada com cuidado comprovou-se ser ouro. Existia ali uma grande jazida em suas terras. A mesma chuva que lhe trouxe destruição trouxe também uma grande bênção que os fez ricos e prósperos no local.

Deus muitas vezes permite que percamos aquilo que julgamos ser nosso tesouro, porque tem algo muito melhor e mais grandioso para nós. Ao enfrentarmos as calamidades deste mundo devemos ter sempre a fé e a esperança de que os momentos que parecem ser adversos e destruidores poderão trazer bênçãos muito maiores e gratificantes que reluzirão logo após a tormenta.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...