sábado, 28 de julho de 2012

A FÉ ENXERGA O QUE CRÊ


O que significa orar na fé? Significa: apoiar-se na oração sobre as promessas de Deus. – Não podemos crer sem termos um fundamento. Em cada situação preciso de uma determinada promessa de Deus para me firmar, na qual posso fundamentar minha fé.
E isso é maravilhoso; as promessas existem!


Para os que se sentem desamparados: “E eis que estou convosco todos os dias” (Mt 28.20b).
Para os fracos: “… o poder se aperfeiçoa na fraqueza” (2 Co 12.9b).
Para os ansiosos: “Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós” (1 Pe 5.7).
Para os tristes: “Portanto não vos entristeçais, porque a alegria do Senhor é a vossa força” (Ne 8.10).
Para os doentes: “… eu sou o Senhor que te sara” (Êx 15.26b).


Esses são apenas alguns exemplos, para cada situação específica, Deus deu promessas determinadas, para que possamos nos apoiar com toda a certeza e fé sobre essas bem-aventuradas do Senhor. Então, o que falta para que você ore corajosamente na fé? “Sem fé é impossível agradar a Deus” (Hb 11.6).
O teu sofrimento está no fato que as promessas de Deus contradizem aquilo que você sente, percebe e vê? Entenda que a oração é a maior expressão da fé, não permita mais prender-se pelo visível, deixe-se determinar pelo invisível. A incredulidade crê no que vê; a fé vê o que crê.


Na fé vemos o poderoso Senhor. Na fé vemos como Ele age. Na fé vemos as torrentes de bênçãos que Ele quer derramar. Na oração feita com fé aceitamos Suas promessas como verdadeiras, apesar de ainda não vermos a realização. João testemunha: “e aquilo que pedimos, dele recebemos porque guardamos os seus mandamentos e fazemos diante dele o que lhe é agradável” (1 Jo 3.22). A fé transpõe aço e rocha e compreende o amor do Todo Poderoso.


Jerry B. Jenkins, em “DEUS SEMPRE CUMPRE SUAS PROMESSAS”

Fonte: Salmo 37


terça-feira, 24 de julho de 2012

Deus cuida de nós - SOMBRAS


debaixo asas Deus, cuidado Deus, proteção Deus


"BONDADE E MISERICÓRDIA CERTAMENTE ME SEGUIRÃO TODOS OS DIAS DA MINHA VIDA " (Sl 23.6)

Estou sobrevoando o Estado do Tocantins. Aqui de cima tenho a noção exata do que é um planalto. São quilômetros sem uma montanha à vista. O dia está claro e limpo. As sombras projetadas no chão, das poucas nuvens espalhadas, me impressionam - uma aqui, outra acolá, outra mais distante e aquela que já ficou distante. Tudo isso me lembra a música: "...Deus cuida de mim,na sombra de suas asas, Deus cuida de mim..." A sombra não é nada. Não tem consistência, nem vida própria, não existe sozinha. É apenas uma representação, um símbolo, cheio de significado. Um sinal de que, entre a Terra e o Sol, existe uma nuvem interceptando a luz.

Cantar sobre o cuidado de Deus é dizer, com graça e poesia, que estamos na sombra de Suas asas, significa afirmar a existência de um escudo entre nós e o perigo,as ameaças e os medos que nos assaltam. Significa ainda, falar de abrigo, aconchego, descanso e refrigério.
Você está cansado, exausto, com medo,desanimado, precisando de uma sombra para se refrescar,relaxar e se proteger? Que tal descansar nas asas do Senhor? Assim como a galinha protege os seus filhotes com as asas, Deus cuida de nós.

Da janela do avião avisto algumas montanhas e vales. Interessante, não há sombras apenas no planalto. Há nos picos mais altos e vales mais profundos. Isso significa que o Pai nos guarda e protege todos os dias. Quando há festa ou sofrimento,alegria ou tristeza, vitória ou derrota, podemos contar com a presença constante do Senhor ao nosso lado. Dessa forma achamos descanso e segurança. Aleluia!!
(Marcelo Gualberto da Silva)

REFLITA:
"BONDADE E MISERICÓRDIA(DO SENHOR) SÃO COMO SOMBRAS: ESTÃO SEMPRE NOS SEGUINDO


Leia também: Deus está sempre com você

domingo, 22 de julho de 2012

BATA A PORTA NA CARA DO MEDO



Medo. Já conheceu este monstro? Claro que já. Ele entra discretamente em você através de uma dúzia de portas. Medo de falhar. Medo das multidões. Medo de doenças. Medo de rejeição. Medo do desemprego. Medo do que as outras pessoas falam de você Medo de ser você mesmo. Medo de comprar. Medo de vender. Medo da crise financeira. Medo da guerra. Medo do escuro. Medo de estar sozinho…
O vigésimo sétimo salmo de Davi, porém, é conhecido por ter um antídoto com rara eficácia. Em negrito e sublinhado, o monarca de Israel prescreveu o enxerto de ferro em nossos ossos. O medo bateu em sua porta e Davi o encarou cara a cara quando duelava com duas perguntas:
A quem devo temer? De quem devo ter medo?
Ele bateu a porta na cara do medo com a declaração: “Meu coração não temerá… mesmo assim estarei confiante” (v3). Então, suspirando, andou de volta para a sala, relembrando da dosagem diária requerida para contra-atacar as investidas sucessivas do medo:
- Oração: eu pedi ao Senhor (v4).
- Visão: ver a beleza do Senhor (v4).
- A Palavra de Deus: meditar no seu templo (v4).
- Proteção de Deus: no dia da adversidade, Ele irá me conceder abrigo, me esconder, me elevar (v5).
- Constante adoração: Cantarei (v6).
- Descanso: creio… espere pelo Senhor (v13-14).
- Determinação: fortalece o seu coração (v14).

Charles Swindoll em, “CRESCENDO NAS ESTAÇÕES DA VIDA”

Fonte: Salmo 37

Apenas observe





Quando uma porta se fecha, outra se abre. O problema é que freqüentemente ficamos lamentando pela porta que se fechou, a ponto de impedirmos que vejamos a porta que se abriu. Alexandre Graham Bell

Apenas observe a si mesmo. Observe a maneira como você pensa, como toma uma atitude, como experimenta e exibe suas emoções. O seu corpo pode experimentar dor, mas ainda assim a dor não é você. A sua mente pode se deparar com problemas e frustrações, mas você não se resume a problemas e frustrações.

Compreenda que circunstâncias e situações que você está experimentando na vida nada mais são do que experiências. Você não é o seu trabalho, sua conta bancária, seus problemas, suas ansiedades e frustrações, ou seus erros do passado. Você é muito, infinitamente muito mais do que isso. Você é um ser eterno, criado com uma alma eterna e amado por um Deus que tem todas as coisas debaixo do seu controle sábio e soberano.

As aflições presentes não podem se comparar com a glória que há de vir. Fique firme; levante os olhos e confie naquele que tem uma habilidade enorme para transformar crucificações em ressurreições.

Nélio DaSilva

Para Meditação:

O Senhor te guardará de todo mal; guardará a tua alma.O Senhor guardará a tua saída e a tua entrada, desde agora e para sempre. Salmos 121:7-8

terça-feira, 10 de julho de 2012

No Escuro




"TU ÉS A MINHA LÂMPADA;Ó SENHOR!
O SENHOR ILUMINA-ME AS TREVAS" 2Sm 22.29

Você já tentou fazer alguma coisa no escuro? Fica muito difícil comer no escuro, escrever no escuro, colocar linha em uma agulha em um local com pouca iluminação. Muitas coisas que fazemos com facilidade quando temos uma boa iluminação ficam quase impossíveis de realizar no escuro.

Tenho certeza que ninguém com um pouco de juízo andaria em uma estrada à noite de carro em alta velocidade com os faróis apagados ou se aventuraria a andar por montanhas cheias de abismos à noite sem ter certeza de qual é o caminho seguro. Infelizmente nem sempre usamos esta mesma lógica para cuidar da nossa vida espiritual. Muitas dificuldades que enfrentamos são grandes por não utilizarmos a Luz da Palavra de Deus para torná-las pequenas. Problemas podem ser resolvidos facilmente quando enxergamos as soluções de Deus para eles. É muito triste perceber como muitos estão em alta velocidade, andando por caminhos perigosos, andando à beira de abismos,sem ao menos verem por onde estão indo.Provérbios 4.19 nos diz "O caminho dos ímpios é como densas trevas, nem sequer sabem em que tropeçam".

Diante do caminho que temos que percorrer é necessário sermos guiados pela luz divina. A maior fonte de luz se encontra na Palavra de Deus; ela é lâmpada para os nossos pés e luz para os nossos caminhos. Nos mandamentos e instruções da Palavra de Deus encontramos luz. Essa luz de Deus vai brilhando em nossa vida cada dia mais, proporcionando-nos condições de andar melhor, por caminhos seguros (pv 4.18; 13.9 )
Não devemos ficar reclamando da escuridão nem viver sem a luz da Palavra de Deus. É preciso buscar essa verdadeira luz e depois iluminar o mundo, refletindo Cristo. Que Deus mantenha acesa nossa luz, transforme toda escuridão de nossa vida em luz. Assim vamos vencer as barreiras e transpor as muralhas que estiverem diante de nós.

( Hebert dos Santos Gonçalves)

"PARA NÃO TROPEÇAR NA ESCURIDÃO BUSQUE A LUZ DA PALAVRA DE DEUS"

quarta-feira, 4 de julho de 2012

O Poder da Porta Negra





Era uma vez um país de Mil e Uma Noites. Neste país, havia um rei
que era muito polêmico por causa de seus atos. Ele pegava
os prisioneiros de guerra e levava para uma enorme sala.

Os prisioneiros eram enfileirados no centro da sala e o rei gritava: -Eu vou dar uma chance para vocês. Olhem para o canto direito da sala.

Ao olharem, os prisioneiros viam alguns soldados armados
de arco e flechas, prontos para ação.
-Agora, - continuava o rei - , olhem para o canto esquerdo.

Ao olharem, todos os presos notavam que havia uma terrível
Porta Negra de aspecto dantesco. Crânios humanos serviam
como decoração e a maçaneta era a mão de um cadáver.
Algo horripilante só de imaginar, quanto mais para ver.

O rei se posicionava no centro da sala e gritava:

-Agora, escolham: o que vocês querem? Morrerem cravados de flechas ou... abrirem rapidamente aquela Porta Negra e entrarem lá dentro enquanto eu tranco vocês? Agora, decidam, vocês têm livre arbítrio, escolham...

Todos os prisioneiros tinham o mesmo comportamento: na hora da decisão, eles chegavam perto da terrível Porta Negra de mais de quatro metros de altura, olhavam para os desenhos de caveiras, sangue humano, esqueletos, aspecto infernal, coisas escritas do tipo: “Viva a morte”, etc, e decidiam:

- Quero morrer flechado...Um a um, todos agiam assim: olhavam para a Porta Negra e para os arqueiros da morte e diziam para o rei:
- Prefiro ser atravessado por flechas a abrir essa Porta Negra e ser trancado lá dentro. Milhares optaram pelo que estavam vendo:
a morte feia pelas flechas.

Mas um dia, a guerra acabou. Passado algum tempo, um daqueles soldados do “Pelotão da Flechada” estava varrendo a enorme sala quando eis que surge o rei. O soldado, com toda reverência e meio sem jeito, perguntou:

Sabe, ó Grande rei, eu sempre tive uma curiosidade, não se zangue com minha pergunta, mas... o que tem além daquela Porta Negra?

O rei respondeu:

- Lembra que eu dava aos prisioneiros duas escolhas?
Pois bem, vá e abra a Porta Negra.

O soldado, trêmulo, virou cautelosamente a maçaneta e sentiu um raio puro de sol beijar o chão feio da enorme sala. Abriu mais um pouquinho a porta e mais luz e um gostoso cheiro de verde inundaram o local.

O soldado notou que a Porta Negra abria para um caminho que apontava para uma grande estrada. Foi aí que o soldado foi perceber: a Porta Negra abria para um caminho que apontava para uma grande estrada. Foi aí que o soldado foi perceber: a Porta Negra dava para a ... Liberdade.

Moral: Todos nós temos uma Porta Negra dentro da mente. Para uns, a Porta Negra é o medo do desconhecido. Para outros, é um cliente difícil, ou uma frustração qualquer do tipo medo de arriscar, medo de assumir, ou medo de se relacionar, ou medo de ser rejeitado, ou medo de inovar, ou medo de mudar ou medo de voar mais alto.

Para alguns, a Porta Negra é a incerteza que a falta de preparo atemoriza. Ou uma trava imaginária que as inseguranças da vida fabricaram durante a educação.

Mas, se você pode perder, você pode vencer. Se der um passo além do medo, você vai encontrar o raio de sol entrando em sua vida. Não se apavore com as aparências da era do caos que um mundo globalizado nos traz. Não se desespere com a crise.

Decida avançar sem medo. Decida triunfar.

AUTOR DESCONHECIDO

terça-feira, 3 de julho de 2012

A bigorna





 "‘Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês’, diz o Senhor, ‘planos de fazê-los prosperar e não de lhes causar dano, planos de dar-lhes esperança e um futuro.’” (Jeremias 29:11)

Acho que todo cristão deveria guardar Jeremias 29:11 na memória: “Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês”, diz o Senhor, “planos de fazê-los prosperar e não de lhes causar dano, planos de dar-lhes esperança e um futuro.”

É interessante considerar o pano de fundo dessa declaração. Quando Deus disse isso para o Seu povo, os judeus, eles estavam vivendo como escravos na Babilônia. Para eles, o mundo tinha acabado, porque eles achavam que não tinham futuro. Provavelmente acreditavam que Deus havia se esquecido deles, mas Deus assegurou-lhes seu futuro ao dizer: “Porque sou eu que conheço os planos que tenho para vocês”, diz o Senhor, “planos de fazê-los prosperar e não de lhes causar dano, planos de dar-lhes esperança e um futuro.”

Talvez você esteja enfrentando o mesmo dilema – sente-se esquecido e abandonado por Deus. Tenha esperança no fato de que, apesar da condição dos judeus na Babilônia, Deus ainda tinha um plano e um propósito para suas vidas. A nação de Israel precisa atravessar aquela situação para ser aprimorada. Não era porque Deus os odiava, mas porque Deus os amava.

Então, porque o Senhor lhe ama, porque você é Seu filho, Ele fará o que for necessário em sua vida para que você se torne a pessoa que Ele quer que você seja. As situações difíceis pelas quais passamos ocorrem para que aprendamos algo, são bigornas nas mãos do Senhor para nos moldar, nunca para nos destruir. Na próxima vez que você sentir que Deus se esqueceu de você, lembre-se de Jeremias 29:11.
DEVOCIONAIS DIÁRIOS
Fonte: Salmo 37

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...