segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Carta de Jesus a você




Ah, como eu te amo!!!
Dei minha vida por você.
Em nome desse amor,fui
humilhado, espancado e
crucificado.
Nas horas de alegria, ao teu
lado tenho caminhado, e contigo
regozijado.
E nas horas de sofrimento e dor;
É no colo, que o tenho carregado.

Mesmo assim, sei que dúvidas
de mim.
Não te faço cobranças, nem te peço
grandes sacrifícios.
Peço apenas que me ame; E que as
vezes se lembre de mim.
Mas vejo, que neste mundo atribulado,
andas muito ocupado, sem tempo para
pensar, em quem viveu e morreu por te amar.

Saibas que não me zango contigo.
E tuas faltas eu perdoo.
Porque és meu filho amado, meu filho querido!
E se pra te salvar...
Eu necessitasse ser novamente crucificado,
Eu me entregaria sem pensar.
E não exitaria em padecer, ser coroado de
espinhos, e na cruz, novamente morrer.
Tudo isto meu filho...
Porque te amo demais!!!


Teu pai eterno

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Vovô Raul e o aviso de Deus



Existem pessoas que, por sua forma natural de agir, conquistam os demais. Algumas são tão estimadas pelas crianças que passam a ser chamadas de tias, vovôs, sem terem qualquer laço de parentesco.
Assim era com o senhor Raul. Ele fora, durante anos, o professor de História na maior escola daquela cidade.
Aposentado, afeiçoado às crianças e à cultura, ofereceu-se como voluntário na biblioteca pública.
Idealista e idealizador, criou um pequeno espaço, no andar térreo, próximo ao setor de livros infantis, a que denominou o cantinho das histórias.
Todas as tardes, durante um período previamente marcado, ali ficava ele, a encantar os pequenos com suas histórias.
Com o passar dos meses, o número de visitas à biblioteca foi se tornando maior. Em especial as crianças e, de preferência, na hora das histórias de vovô Raul.
Na proximidade do Natal, o bom professor começou a cogitar o que de melhor poderia fazer para comemorar, com a comunidade, o nascimento de Jesus.
Recordou, então, do que fizera Francisco de Assis, no século treze. Por isso, buscou amigos e conhecidos, solicitou ajuda, em recursos e mão de obra, e deu início ao cenário do nascimento do Cristo.
Todos se entusiasmaram com o projeto. Não faltaram voluntários.
Ergueu-se o que deveria parecer um estábulo, colocou-se a manjedoura, a palha, criou-se um ambiente rústico no pequeno canto destinado às histórias do vovô Raul.
Às vésperas do dia de Natal, Raul recolheu-se tarde, após verificar que tudo estava em ordem. Já estavam escolhidos os personagens que, no dia seguinte, dramatizariam o nascimento do menino Jesus.
Nenhum detalhe fora esquecido e sabia-se que grande parte da comunidade acorreria ao evento. Naturalmente, em horários diversos, pois o ambiente não comportava todos de uma única vez.
Mal se deitara, Raul teve a impressão de escutar uma voz que lhe dizia para trocar o local da dramatização para o lado oposto, nos fundos da sala.
Por mais que tentasse conciliar o sono, aquilo não lhe saía da mente. Tanto o atormentou que ele mal dormiu. Levantou-se pela madrugada e foi chamar os seus voluntários para proceder à mudança.
Não conseguia saber porque, mas devia fazer aquilo. Era algo dentro dele que falava alto.
Um tanto cansados, mas respeitosos, concordaram os auxiliares em realizar a mudança do cenário para os fundos da sala, no lado oposto.
Quando a comemoração atingia o auge e a sala se encontrava repleta, um estrondo ensurdecedor se fez ouvir.
Todos se voltaram para o cantinho das histórias, de onde vinha o ruído, e viram aterrorizados um ônibus desgovernado adentrar à biblioteca derrubando prateleiras e livros, parando a poucos passos de onde eles se encontravam.
Foi então que vovô Raul entendeu que foi a Providência Divina, sempre solícita para com os Seus filhos, que lhe inspirou, com insistência, a ideia de realizar a mudança e, na sua intimidade, orou ao divino Pai, agradecendo.
* * *
Muitas vezes, os Anjos nos alertam, através da inspiração, das dificuldades e tropeços que podem ser evitados.
Todas as criaturas são desta forma auxiliadas, mas que nem todas se apercebem.
Existem mesmo as que levam tudo à conta de superstição e crendice, esquecidas de que Deus vela por todos, continuamente, providenciando o socorro devido nas mais diversas ocasiões.

domingo, 7 de dezembro de 2014

Corajoso Confronto



Obstáculos são ingredientes indispensáveis a uma vida bem sucedida.
Cada problema é uma oportunidade para um sério e maduro confronto. Desperdiçar esta oportunidade é comprometer o seu próprio futuro.
Og Mandino

Tudo aquilo que evitamos, negamos ou de que tentamos fugir – no final – só serve para nos derrotar. Por outro lado, qualquer coisa – ainda que detestemos, ou quão desagradável venha a ser – pode se transformar numa fonte de crescimento, quando abertamente confrontada. Problemas não vão se dissipar simplesmente porque resolvemos ignorá-los. O fracasso no confrontar alguma coisa negativa serve apenas para alimentar e fazer crescer a influência daquilo que nos martiriza.

Sabemos que temos que confrontar a vida, porém, o medo nos paralisa. A única maneira de sair dessa situação é confrontando a situação a despeito do medo. Lembre-se de que coragem não é ausência de medo. Coragem é ir em frente apesar do medo.


Fazer isso é desconfortável? Sim. É difícil? Muito. Lembre-se, porém, de que, pela sua vida, pelos seus alvos, pelos seus sonhos, vale a pena a dor, o esforço e o sacrifício. Pare de se esconder por detrás do seu medo. Deus está bem perto e pronto a sustentá-lo. Tudo o que Ele lhe pede é que você venha a dar o primeiro passo. Comece hoje a confrontar os obstáculos e permita que uma nova e radiante luz venha brilhar em sua vida.

Autor Desconhecido

sábado, 6 de dezembro de 2014

Uma grande lição



Cada um dos sete filhos trabalhou na loja de nosso pai, nossa própria loja de departamentos. No inicio fazíamos pequenos trabalhos como varrer o chão, arrumar as prateleiras e fazer embrulhos, e mais tarde, quando tínhamos experiência, atendíamos aos clientes. Trabalhando e prestando atenção, nós aprendemos que trabalhar era mais do que sobreviver e vender.

Uma lição ficou gravada em minha mente. Era próximo do natal.  Eu estava na oitava série e trabalhava à noite, ajeitando a seção de brinquedos. Um pequeno garoto, com uns cinco ou seis anos, entrou.
Ele vestia um desgastado e sujo casaco marrom.
O cabelo despenteado.

O tênis rasgado e desamarrado. O garoto me pareceu muito pobre - demasiado pobre para ter dinheiro para comprar qualquer coisa. Olhou em torno da seção de brinquedos, pegava um brinquedo, olhava atentamente e devolvia com cuidado ao seu lugar.


Papai desceu as escadas e caminhou até o menino. Seus olhos azuis sorriam e a covinha no rosto sobressaía quando perguntou ao menino o que poderia fazer por ele. O menino disse que procurava um presente de natal para dar à seu irmão.

Me impressionou como papai o tratou com o mesmo respeito com que tratava a todos os clientes. Papai lhe disse para ficar à vontade e procurar com calma.

Aproximadamente 20 minutos depois, o menino escolheu um brinquedo, foi até meu pai e perguntou,
- Senhor, quanto custa este?
- Quanto você tem? Meu pai perguntou.

O menino enfiou a mão no bolso e retirou algumas moedas.
- 27 centavos.
O preço do brinquedo escolhido era $3,98.
- Mas que sorte! É exatamente o quanto custa!
Meu pai lhe disse e fechou a venda.

A resposta de papai ainda soa em meus ouvidos. Eu pensava nisto enquanto embrulhava o presente. Quando o menino saía da loja, eu já não observava a roupa suja e desgastada, o cabelo despenteado, ou o tênis rasgado e desamarrado.
O que eu via era uma criança radiante levando um tesouro.

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

A opinião dos outros



Você se importa com a opinião que os outros têm a seu respeito?

Se a sua resposta for não, então você é uma pessoa que sabe de si mesma. Que se conhece. É auto-suficiente.

No entanto, se a opinião dos outros sobre você é decisiva, vamos pensar um pouco sobre o quanto isso pode lhe ser prejudicial.

O primeiro sintoma de alguém que está sob o jugo da opinião alheia, é a dependência de elogios.

Se ninguém disser que o seu cabelo, a sua roupa, ou outro detalhe qualquer está bem, a pessoa não se sente segura.

Se alguém lhe diz que está com aparência de doente, a pessoa se sente amolentada e logo procura um médico.

Se ouve alguém dizer que está gorda, desesperadamente tenta diminuir peso. Mas se disserem que é bonita, inteligente, esperta, ela também acredita.

Se lhe dizem que é feia, a pessoa se desespera. Principalmente se não tem condições de reparar a suposta feiura com cirurgia plástica.

Existem pessoas que ficam o tempo todo à procura de alguém que lhes diga algo que as faça se sentir seguras, mesmo que esse alguém não as conheça bem.

Há pessoas que dependem da opinião alheia e se infelicitam na tentativa de agradar sempre.

São mulheres que aumentam ou diminuem seios, lábios, bochechas, nariz, para agradar seu pretendido. Como se isso fosse garantir o seu amor.

São homens que fazem implante de cabelo, modificam dentes, queixo, nariz, malham até à exaustão, para impressionar a sua eleita.

E, quando essas pessoas, inseguras e dependentes, não encontram ninguém que as elogie, que lhes diga o que desejam ouvir, se infelicitam e, não raro, caem em depressão.

Não se dão conta de que a opinião dos outros é superficial e leviana, pois geralmente não conhecem as pessoas das quais falam.

Para que você seja realmente feliz, aprenda a se conhecer e a se aceitar como você é.

Não acredite em tudo o que falam a seu respeito. Não se deixe impressionar com falsos elogios, nem com críticas infundadas.
Seja você. Descubra o que tem de bom em sua intimidade e valorize-se.

Ninguém melhor do que você para saber o que se passa na sua alma.

Procure estar bem com a sua consciência, sem neurose de querer agradar os outros, pois os outros nem sempre dão valor aos seus esforços.

A meditação é excelente ferramenta de autoajuda. Mergulhar nas profundezas da própria alma em busca de si mesmo é arte que merece atenção e dedicação.

Quando a pessoa se conhece, podem emitir dela as opiniões mais contraditórias que ela não se deixa impressionar, nem iludir, pois sabe da sua realidade.

Nesses dias em que as mídias tentam criar protótipos de beleza física, e enaltecer a juventude do corpo como único bem que merece investimento, não se deixe iludir.

Você vale pelo que é, e não pelo que tem ou aparenta ser. A verdadeira beleza é a da alma. A eterna juventude é atributo do espírito imortal.

O importante mesmo, é que você se goste. Que você se respeite. Que se cuide e se sinta bem.

A opinião de alguém só deve fazer sentido e ter peso, se esse alguém estiver realmente interessado na sua felicidade e no seu bem-estar

Nenhuma opinião que emitam sobre você, deve provocar tristeza ou alegria em demasia.

Os elogios levianos não acrescentam nada além do que você é, e as críticas negativas não tornarão você pior.

Busque o autoconhecimento e aprenda a desenvolver a autoestima.

Mas lembre-se: seja exigente para consigo, e indulgente para com os outros.

Eis uma fórmula segura para que você encontre a autoconfiança e a segurança necessárias ao seu bem-estar efetivo.

E jamais esqueça que a verdadeira elegância é a do caráter, que procede da alma justa e nobre.

Pense nisso, e liberte-se do jugo da opinião dos outros.


A.D

Antes de desistir



O General Douglas MacArthur foi recusado na Academia Militar de West Point, não uma vez, mas duas. Quando tentou pela terceira vez, foi aceito e marchou para os livros de história.

* O superstar do basquete, Michael Jordan, foi cortado do time de basquete da escola.

* Em 1889, Rudyard Kipling, famoso escritor e poeta, recebeu a seguinte resposta do jornal San Francisco Examiner : "Lamentamos muito, Sr. Kipling, mas o senhor não sabe usar a língua inglesa."

* Winston Churchil repetiu a sexta série. Veio a ser primeiro ministro da Inglaterra somente aos 62 anos de idade, depois de uma vida de perdas e recomeços. Sua maior contribuição aconteceu quando já era um "cidadão idoso".

* Os pais do famoso cantor de ópera italiano, Enrico Caruso, queriam que ele fosse engenheiro. Seu professor disse que ele não tinha voz e jamais seria cantor.

* Albert Einstein não sabia falar até os 4 anos de idade, e só aprendeu a ler aos 7. Sua professora o qualificou como "mentalmente lerdo, não-sociável e sempre perdido em devaneios tolos". Foi expulso da escola e não foi admitido na Escola Politécnica de Zurique.

* Louis Pasteur foi um aluno medíocre na escola. Dentre 22 alunos, ficava em 15° lugar.

* Quando Alexander Graham Bell inventou o telefone, em 1876, não tocou o coração de financiadores com o aparelho. O Presidente Rutheford Hayes disse: "É uma invenção extraordinária, mas quem vai querer usar isso ?"

* Thomas Edison fez duas mil experiências para conseguir inventar a lâmpada. Um jovem repórter perguntou o que ele achava de tantos fracassos. Edison respondeu : "Não fracassei nenhuma vez. Inventei a lâmpada. Acontece que foi um processo de 2.000 passos."

* Aos 46 anos, após anos de perda progressiva da audição, o compositor alemão Ludwig van Beethoven ficou completamente surdo. No entanto, compôs boa parte de sua obra, incluindo três sinfonias, em seus últimos anos.


Geraldo Magela


A persistência é o caminho do êxito




O ato de persistir é uma das condições da vitória. Muitas vezes, a vida mede a nossa fé opondo-nos a resistência. Os obstáculos fazem parte da nossa caminhada e render-se a eles demonstra fraqueza.

Não há na história da humanidade, um grande homem sequer que não tenha tido uma fé inquebrantável. Somente por meio da persistência e do bom ânimo conseguimos tornar realidade nossos mais ousados sonhos.

Quando se tem certeza interior de que estamos no caminho certo, nada, nem ninguém, pode ser mais forte que nós mesmos. Possuímos uma força poderosa, capaz de perseverar e conseguir tudo, bastando acreditar firmemente que, mesmo difícil, jamais será impossível. Alias, “o impossível é o possível que nunca foi tentado”.

Chega quem caminha. Então caminhe com determinação, jamais duvidando da sua capacidade de vencer. Você pode se acreditar que pode. Todos nós, quando bem intencionados, somos merecedores de uma vida nova.

E, para tanto, necessário se faz uma ação contínua e persistente no sentido de tornar nossa vida mais próspera e feliz. Sem  esforço  não existe vitória.  Persista hoje e sempre.  Persista mais e muito. E lembre-se.

“Um mundo melhor começa em você”.
Charles Chaplin 

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Tenha Deus...



Tenha Deus como seu Amigo...
E para onde você for, vá com Ele...

E quando você quiser escutar uma palavra de conselho, dê preferência à dele...

E quando você estiver vacilando, consulte-o...

E quando você estiver alegre, peça-lhe para prolongar sua alegria...

E quando você se sentir feliz e vencedor, divida com ele sua vitória e sua felicidade.

domingo, 21 de setembro de 2014

GRANDE PREOCUPAÇÃO



Guarda os preceitos do Senhor, teu Deus, para andares nos Seus caminhos, para guardares os Seus estatutos, e os Seus mandamentos, e os Seus juízos e os Seus testemunhos, como está escrito na lei de Moisés, para que prosperes em tudo quanto fizeres e por onde quer que fores…”. I Reis 2:3.

Quando você orar, espere no Senhor. Isso significa ansiar por Ele, ter expectativas e esperanças em Deus, confiar ardentemente que Ele está fazendo grandes coisas a partir do que está acontecendo, mesmo que no momento você só veja dificuldades e impossibilidades.

Você não estará sendo passivo se optar em esperar no Senhor, muito ao contrário, estará AGINDO pela fé, estará exercendo a fé no Deus que age, faz. realiza. concretiza, ajuda, conduz, ensina e abençoa. Você estará em um estado de grande expectativa. Pois as ações de Deus são sempre muito maiores e melhores do que nossa imaginação pode supor.

Diga a Ele, “Deus, tenho minha esperança em ti. Creio que o Senhor está trabalhando em meus problemas. Creio que o Senhor está organizando minha vida e colocando anjos em todos os caminhos que o Senhor já sabe que irei passar. Muito obrigado(a), Senhor, por ter sido o pioneiro, ter preparado tudo antes de mim para que eu possa receber Tuas bençãos.”

Joyce Meyer, em “CONVERSA FRANCA SOBRE PREOCUPAÇÃO”

Fonte: Salmo 37


sexta-feira, 12 de setembro de 2014

A Carta de Amor do Pai





Você já pensou em receber uma carta de Deus?
Se Deus lhe escrevesse, o que será que Ele teria para lhe dizer?
Talvez a carta começasse assim:
Meu filho,
Você pode não me conhecer, mas Eu sei tudo sobre você…Salmo 139:1
Eu sei quando você se senta e quando se levanta…Salmo 139:2
Eu conheço bem todos os seus caminhos…Salmo 139:3
E até os cabelos da sua cabeça são todos contados…Mateus 10:29-31
Pois você foi feito a minha imagem…Gênesis 1:27
Em mim você vive, se move e tem existido…Atos 17:28
Pois você é a minha descendência…Atos 17:28
Eu te conheci mesmo antes que você existisse…Jeremias 1:4-5
E escolhi você quando planejava a criação…Efésios 1:11-12
Você não foi um erro, pois todos os seus dias estão escritos no meu livro…Salmo 139:15-16
Eu determinei o momento exato do seu nascimento e onde você viveria…Salmo 17:26
Você foi feito de forma admirável e maravilhosa…Salmo 139:14
Eu formei você no ventre da sua mãe…Salmo 139:13
E tirei você do ventre de sua mãe no dia do seu nascimento…Salmo 71:6
Eu tenho sido mal representado por aqueles que não me conhecem…João 8:41-44
Eu não estou distante e zangado, pois sou a expressão completa do amor…1 João 4:16
E o meu desejo é derramar meu amor sobre você…1 João 3:1
Simplesmente porque você é meu filho e Eu sou seu Pai…1 João 3:1
Eu ofereço a você mais do que o seu pai terrestre jamais poderia oferecer…Mateus 7:11
Porque sou o Pai perfeito…Mateus 5:48
Cada bom presente que você recebe vem da minha mão…Tiago 1:17
Pois Eu sou o seu provedor e supro todas as suas necessidades…Mateus 6:31-33
Meu plano para o seu futuro tem sido sempre cheio de esperança…Jeremias 29:11
Porque Eu te amo com um amor eterno…Jeremias 31:3
Meus pensamentos sobre você são incontáveis como a areia na praia…Salmo 139:17-18
E Eu me regozijo sobre você com cânticos…Sofonias 3:17
Eu nunca vou parar de fazer o bem para você…Jeremias 32:40
Porque você é meu tesouro mais precioso…Êxodo 19:5
Eu desejo te estabelecer com todo meu coração e toda minha alma…Jeremias 32:41
E quero te mostrar coisas grandes e maravilhosas…Jeremias 33:3
Se você me buscar de todo o coração, você me encontrará…Deuteronômios 4:29
Se deleite em mim e Eu darei a você os desejos do seu coração…Salmo 37:4
Pois fui Eu quem colocou esses desejos em você…Filipenses 2:13
Eu sou capaz de fazer mais por você do que podes imaginar…Efésios 3:20
Pois Eu sou o seu maior encorajador…2 Tessalonissenses 2:16-17
Eu sou também o Pai que conforta você em todas as suas dificuldades…2 Coríntios 1:3-4
Quando seu coração está quebrantado, Eu estou perto de você…Salmo 34:18
Como um pastor carrega um cordeiro, Eu carrego você perto do meu coração…Isaías 40:11
Um dia Eu enxugarei todas as lágrimas dos seus olhos…Apocalipse 21:3-4
E afastarei de você toda a dor que tenha sofrido nesta terra…Apocalipse 21:3-4
Eu sou o seu Pai, e Eu amo você assim como amo ao meu filho, Jesus…João 17:23
Pois em Jesus, meu amor por você é revelado…João 17:26
Ele é a representação exata do que sou…Hebreus 1:3
Ele veio para demonstrar que eu estou contigo, e não contra ti…Romanos 8:31
E também para dizer a você que Eu não estou contando os seus pecados…2 Coríntios 5:18-19
Jesus morreu para que você e eu pudéssemos ser reconciliados…2 Coríntios 5:18-19
Sua morte foi a expressão suprema de meu amor por você…1 João 4:10
Eu desisti de tudo que amava para que pudesse ganhar o seu amor…Romanos 8:31-32
Se você receber o presente do meu filho Jesus, você recebe a mim.…1 João 2:23
E nada poderá separar você do meu amor outra vez…Romanos 8:38-39
Venha para casa e Eu vou fazer a maior festa que o céu já viu…Lucas 15:7
Eu sempre fui um Pai, e sempre serei Pai…Efésios 3:14-15
A minha pergunta é…Você quer ser meu filho? …João 1:12-13
Eu estou esperando por você…Lucas 15:11-32

Com amor, seu Pai
Deus Todo Poderoso


Carta de amor do pai” é uma expressão do coração de Deus escrita a partir de versos que vão do Gênesis a Apocalipse. É baseado em mais de 50 escrituras sagradas.

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Tolo...quem?



"O SENHOR é a minha rocha, a minha cidadela, o meu libertador; o meu Deus, o meu rochedo em que me refugio; o meu escudo, a força da minha salvação, o meu baluarte" (Salmos 18:2).

Dwight Moody estava pregando quando alguém lhe enviou um bilhete através de um membro da igreja. O bilhete continha apenas uma palavra: "Tolo". Moody olhou para o papel e disse: "Frequentemente eu recebo bilhetes sem assinatura. Este foi o primeiro que alguém esqueceu-se de escrever e apenas assinou."

Muitas vezes somos chamados de tolos por acreditar em um Deus Todo Poderoso, amigo, abençoador. Também nos chamam de tolos por crer que todas as coisas são possíveis, mesmo quando tudo indique a impossibilidade. Mais tolos ainda nos chamam quando conservamos a esperança, quando todos os demais já a perderam. E assim caminhamos, pela estrada da vida, ouvindo o coro entoado por vários ao nosso redor: "Tolo... tolo... tolo"

Mas não há nada mais maravilhoso do que ser um "tolo" que gosta de orar, que gosta de ler a Palavra do Senhor, que persevera diante das adversidades, que canta quando a tempestade se abate sobre ele, que levanta após uma queda dizendo: "Obrigado, Senhor, porque sei que a vitória é mais que certa!"

Se andar com Deus é ser tolo, eu quero ser um grande tolo. Se esperar com paciência a realização de um sonho ou uma promessa é ser tolo, louvo a Deus por minha tolice. Se andar em um mundo obscurecido pelo pecado, semeando amor, pregando a salvação, testemunhando os milagres operados pelo Senhor em minha vida, é ser tolo, Glórias a Deus porque sou tolo.

O Senhor é a razão da minha vida. Ele é a segurança de minha caminhada. É o perfume que se espalha pelos lugares onde passo. É a libertação dos que encontro cativos. É o bálsamo que alivia a angústia dos que estão desesperados. E se ao crer nisso eu sou tolo... quão feliz eu sou por ser tolo.

Eu tenho o Senhor em meu coração. Ele é a razão de minha felicidade. Serei eu, realmente, o tolo?


Paulo Barbosa

Eu tenho pressa, Deus não



Quanto a mim, confio em ti, Senhor. Eu disse: tu és o meu Deus. Nas tuas mãos, estão os meus dias…” Sl 31.14-15


A confiança requer que você coloque sua agenda nas mãos de Deus, crendo que o tempo Dele é perfeito para todas as coisas em sua vida. Sua natureza humana quer que as boas coisas aconteçam imediatamente, não mais tarde. Mas você aprende a crer e a esperar que as coisas aconteçam no tempo perfeito de Deus à medida que amadurece na vida cristã.

Confiar em Deus frequentemente significa não saber como Ele irá realizar algo e quando Ele o fará.
Mas não saber “como e quando” fortalece sua fé e lhe ensina lições de confiança. Lembre-se: a confiança não é herdada, é aprendida. O tempo desempenha um papel importante para aprender a confiar em Deus, quando confiamos, descansamos; quando confiamos, somos felizes; quando confiamos, rimos das dificuldades e obstáculos; quando confiamos, esperamos serenamente certos que Ele nos abençoará de uma forma surpreendente e maravilhosa.

À medida que você experimentar a fidelidade de Deus, vez após vez, desistirá de confiar em si mesmo, conviverá bem com a espera e colocará sua vida, sem temores, nas mãos habilidosas do Senhor. Esse é um lugar maravilhoso para estar! Não há lugar melhor.

Enquanto o Senhor trabalha na tua vida e na tua causa, converse com Ele, ouça-O e medite na Sua Palavra, especialmente em versículos como esses:

Mas, se esperamos o que não vemos, com paciência o esperamos” Romanos 8:25

Porque desde a antiguidade não se ouviu, nem com ouvidos se percebeu, nem com os olhos se viu um Deus além de Ti que trabalha para aquele que Nele espera” Is 64:4

Ora, àquele que é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos, segundo o poder que em nós opera” Ef 3:20

Entrega o teu caminho ao Senhor; confia Nele, e Ele o fará. E Ele fará sobressair a tua justiça como a luz, e o teu juízo como o meio-dia. Descansa no Senhor, e espera Nele” Sl 37:5-7

Joyce Meyer, em “EU TENHO PRESSA, DEUS NÃO”


sábado, 2 de agosto de 2014

Aprenda a boiar

aprenda a confiar em Deus, deixa Deus cuidar de você


Eu diria que confiar em Deus e uma das coisas mais difíceis de fazer. Temos que aprender a controlar nossos impulsos de querer "ajudar Deus" a resolver nossos problemas. Quantas vezes você disse: Entreguei tudo nas mãos do Senhor, e 5 minutos depois já estava pensando(muitas vezes bastante apreensivo) em como resolver determinada situação. Eu já fiz, e por vezes ainda faço isso muitas vezes.

 É automático, é da nossa natureza querer ter o controle de tudo. Mas confiar verdadeiramente em Deus é como aprender a boiar. Você tem que deixar o peso. Somos como os que estão se afogando e que se debatem desesperadamente. Quando o o salva-vidas chega, para ele poder remover a vítima da água, é preciso que ela pare de se debater e se "renda" aos seus cuidados. Mas para a vítima, essa ideia é absurda. Como ele pode "parar de lutar" para assim ser socorrido? Não tem lógica, não é mesmo?

É isso que Deus te pede hoje. Se renda aos seus cuidados. Deixe que Ele resolva seus problemas. Ele não precisa da sua ajuda. Ele quer a sua confiança. Permita-se boiar.

Que Deus te abençoe.

Alice

terça-feira, 15 de julho de 2014

Dê mais chance a você mesmo!



Pare de se cobrar tanto! Pare de se punir, de se podar, de se exigir! Diferente disso, você deve é investir mais em você. Procure se amar mais e se aceitar mais. Porque você, mais do que ninguém, merece todas as chances do mundo. 

Então derrube logo esse muro alto e forte que separa você de você mesmo! Abandone de vez a sua pose! Seja sempre verdadeiro! Seja aquilo que você é e pronto!
Talvez esse cansaço, sem razão, que você sinta seja exatamente pelo fato de ter de representar a todo instante. Você é uma pessoa bonita e valiosa do jeito que é! Sua simplicidade e sua autenticidade fazem de você um indivíduo único, completo, maravilhoso, espetacular. Acredite! 

Escute mais o seu coração! E fique mais com você! Pense mais em você! Valorize-se mais, tá? Sim, porque a pessoas mais importante desse mundo você já sabe quem é?
V-o-c-ê! 


E por merecer todo crédito e toda chance, você merece a sua própria atenção e o seu próprio respeito. Mas o outro também tem o seu valor. Ninguém é inferior ou superior a ninguém! Coloque-se sempre ao lado da sua verdade. Imponha-se dentro de si mesmo, para você mesmo! Aja mais com o coração e ouça mais a sua voz interior.
Luis Carlos Mazzini

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Silencie




Você é do tipo que adora muvuca, barulho, se sente em casa em uma feira de rua? Curte bater altos papos em meio a um show de banda de rock? Não liga nem um pouquinho se outros te interrompe? 

Acho que não, né???

Quando queremos ser ouvidos, quando queremos falar, conversar, o mínimo que esperamos é um pouquinho de silêncio e atenção por parte da outra pessoa, certo?

E com Deus, como funciona? Como tem sido seus bate papos com Ele? Ah, eu sei você vai logo dizer que sempre está silêncio, que você escolhe momentos tranquilos para falar com Ele...tudo bem...mas, e sua mente e coração? Também estão tranquilos? Ou é um turbilhão de pensamentos e sentimentos? Você para e ESCUTA, ou somente fala, pede, explica, pede, e pede e pede????

Pensa na cena, você falando com Deus, QUANTOS MINUTOS DESTA CONVERSA VOCÊ FICA SOMENTE EM SILÊNCIO, PARA QUE SÓ ELE FALE???? Quantos minutos? segundos? nadinha????

Viu, depois você fica aí chorando que Deus não te responde e que tá difícil... coitado Dele, enfrenta todo dia um a feira livre de sentimentos, pensamentos e pedidos, e nem se quer pode dar opinião, pois você acha bobeira se silenciar, até parece que Ele vai falar... mas Ele fala... só que precisa você se aquietar e ESCUTAR.

É incrível como o silêncio nos torna pessoas mais equilibradas, pois desligamos um pouco de nossa correria e rotina e dedicamos um tempo de reflexão, um tempo de busca, um tempo de percepção mais apurada... percebe que você entra no passivo... você para de falar, dar seus motivos, de pedir e passa a refletir, entender e perceber a vontade de Deus.

Deus não gosta de bagunça, de confusão, Ele precisa de ambientes limpos, tranquilos, abertos, que estejam prontos para receber sua vontade e ensinamentos, por isso acalme seu coração, separe 10, 15, 20, 30 minutos em silêncio... deite ou sente sem nada na mão, desligue-se das preocupações, da correria, você vai ver o quanto será alimentada em seu interior, o quanto descobrirá sentimentos e situações erradas que tem vivido e que são causadoras de algumas de suas tristeza e angustias... no silêncio você aprenderá mais a enxergar pelo ângulo de Deus, deixará Ele trabalhar em sua vida...deixará Ele estar no comando...

Por isso ao invés de pedir, e tentar fazer Deus perceber sua situação, silencie-se (até porque Ele sabe o que você precisa e o que é necessário para você) e deixe Ele te ensinar...

É no silêncio que Deus se manifesta... é no silêncio que Deus revela... é no silêncio que se vive a relação Deus pai e nós filhos... não receba Deus em meio ao caos do seu dia a dia... Quando quiser resposta fique em SILÊNCIO!!!



"Assim diz o Senhor, o seu redentor, o Santo de Israel: "Eu sou o Senhor, o seu Deus, que lhe ensina o que é melhor para você, que o dirige no caminho em que você deve ir.

Se tão-somente você tivesse prestado atenção às minhas ordens, sua paz seria como um rio, sua retidão, como as ondas do mar." 
Isaías 48:17-18

"Mas quando você orar, vá para seu quarto, feche a porta e ore a seu Pai, que está no secreto. Então seu Pai, que vê no secreto, o recompensará.

E quando orarem, não fiquem sempre repetindo a mesma coisa, como fazem os pagãos. Eles pensam que por muito falarem serão ouvidos.

Não sejam iguais a eles, porque o seu Pai sabe do que vocês precisam, antes mesmo de o pedirem."
 Mateus 6:6-8

Autor Desconhecido

sexta-feira, 27 de junho de 2014

Sobre Sogras

Outra dia vi no face uma mensagem que dizia: "Eu amo a minha sogra, pois ela gerou o meu melhor presente".

Parei um pouco para refletir na profundidade desta frase. Em um mundo onde é muito comum as piadas sobre sogras, uma mensagem dessa sobressai aos nossos olhos.

Sempre achei de muito mal gosto esse tipo de piada. Afinal, se está falando da pessoa mais importante da vida do seu companheiro(a). Se você não pode amá-la, pelo menos respeite-a.

Eu ainda não tenho sogra, mas já guardo comigo este sentimento de amor pela pessoa que gerou o presente de Deus para minha vida.

Como se mede uma pessoa?


Os tamanhos variam conforme o grau de envolvimento. Ela é enorme pra você quando fala do que leu e viveu, quando trata você com carinho e respeito, quando olha nos olhos e sorri destravado.
É pequena pra você quando só pensa em si mesmo, quando se comporta de uma maneira pouco gentil, quando fracassa justamente no momento em que teria que demonstrar o que há de mais importante entre duas pessoas: a amizade.
Uma pessoa é gigante pra você quando se interessa pela sua vida, quando busca alternativas para o seu crescimento, quando sonha junto.
É pequena quando desvia do assunto. Uma pessoa é grande quando perdoa, quando compreende, quando se coloca no lugar do outro, quando age não de acordo com o que esperam dela, mas de acordo com o que espera de si mesma.
Uma pessoa é pequena quando se deixa reger por comportamentos clichês.
Uma mesma pessoa pode aparentar grandeza ou miudeza dentro de um relacionamento, pode crescer ou decrescer num espaço de poucas semanas: será ela que mudou ou será que o amor é traiçoeiro nas suas medições?
Uma decepção pode diminuir o tamanho de um amor que parecia ser grande. Uma ausência pode aumentar o tamanho de um amor que parecia ser ínfimo.
É difícil conviver com esta elasticidade: as pessoas se agigantam e se encolhem aos nossos olhos. Nosso julgamento é feito não através de centímetros e metros, mas de ações e reações, de expectativas e frustrações. Uma pessoa é única ao estender a mão, e ao recolhê-la inesperadamente, se torna mais uma.
O egoísmo unifica os insignificantes. Não é a altura, nem o peso, nem os músculos que tornam uma pessoa grande. É a sua sensibilidade sem tamanho.


Martha Medeiros

quinta-feira, 5 de junho de 2014

De mãos dadas

paz de Jesus, confia no Pai


Pai e filho trafegavam a pé, pelas avenidas da grande Metrópole. Um barulho atormentador, carros passando com tudo, motoqueiros fazendo zigue zague , gente como nunca transitavam pelas calçadas cada um sendo mais apressado, rumo a seu itinerário. 
A criança estava apegada à mão do pai, e este estava fazendo um malabarismo para desviar de pedestres, muito atento ao trânsito pesado , que exige a máxima atenção . 

Ao atravessar o farol ( sinaleiro). Enquanto o pai fazia uma ginástica para livrar dos obstáculos, chegar ileso do outro lado à criança tranquila, e do outro lado da avenida, perguntou ao pai quantos andares tinha o prédio que estava em frente. O pai não soube responder, nem se quer tinha notado o prédio, porque sua atenção estava voltada para o trânsito. O Senhor não sabe? Tem trinta e dois andares. 

O trânsito sobrecarregado das Metrópoles, os obstáculos, o barulho ensurdecedor, nada disso afetou a criança que transitou com tranquilidade e liberdade para contar os andares do prédio. Os seus problemas estavam depositados e confiava na pessoa de seu pai. Enquanto ele dava seus pulos para seguir o caminho, ela observava com detalhes tudo em volta sem preocupar com nada. Imagine o que poderia acontecer, se essa criança desvencilhasse de seu pai e fosse fazer ao seu modo esse mesmo percurso , com sua atenção voltada para o prédio? Nem é bom pensar. 

Assim é a vida, de muitos que não estão de mãos dadas ao Pai celestial , para serem protegidos e conduzidos pelas avenidas de suas vidas, preferem estar sozinhos em meio a turbulência de suas jornadas. Quantas pessoas envolvem em desastres espirituais porque não estão de mãos dadas com Deus. Quantos foram atropelados espiritualmente: oravam, jejuavam, meditavam na Palavra de Deus, deixou suas mãos escapulir das mãos de Deus e vivem atribulados de um lado a outro tentando escapar sozinhos do trânsito e tragédias da vida. Enquanto poderiam estar sendo conduzidos, por Deus, suas vidas estariam uma benção.

Como é mais fácil ser conduzidos pelo Pai. Com Ele nos guiando temos certeza que as avenidas perigosas não são obstáculos para nós , Ele cuida de tudo, logo passamos para o outro lado sem sermos atropelados , sem escoriações, sem dano algum, andando todo percurso com tranquilidade, até para brincar , contar quantos andares existem nos prédios ao lado.

E aí você!.. Porque preocupas, se estás de “ Mãos dadas com Jesus” ? Deixa os problemas das avenidas, esqueça o trânsito maluco , infernal, confie n´Ele . Fique tranquilo, pode contar os andares das torres, enquanto seu Pai celestial te conduz sem envolver em acidentes.

As mãos de Deus estão estendidas para te socorrer assim como os ouvidos atentos para ouvir seu pedido de “ SOS” . Ata a sua mão com a Dele e descanse.

Is 59:1 Eis que a mão do Senhor não está encolhida, para que não possa salvar; nem agravado o seu ouvido, para não poder ouvir.


Crescer dói


crescimento espiritual



E crescia Jesus em sabedoria, estatura e graça....


Há um livro interessante que acabou virando filme, chamado O Tambor, do alemão Günter Grass. É a história de um menino teimoso que recusava-se a crescer. Quando queria alguma coisa, pegava seu tambor e ficava batendo com um cabo de vassoura sobre ele até que alguém o atendesse. E já com idade adulta tinha a aparência e o corpo de uma criança.

Às vezes penso que é menos penoso continuar sendo o que sempre fomos. Para que arriscar? Para que sair do porto seguro e singrar por rios perigosos e traiçoeiros, que não conhecemos bem? Para que sair do aconchego dos pensamentos que trazem sossego à alma, e aventurar-se por abismos e montes escarpados? O senso comum diz que viver na planície é mais seguro que escalar as altas montanhas.

Há cristãos que gostam de viver nas planícies. As montanhas lhes dão vertigens.

Há cristãos que recusam-se a sair da segurança encontrada nos limites do terreno em que ele mantém controle, e sair fora dessa área demarcada na alma é inimaginável para ele. É o medo de perder a identidade, é o medo do novo, o medo do não conhecido.
Crescer é abandonar posições confortáveis, é deixar o que é seguro, é começar a subir em direção ao ar rarefeito dos altos montes. Crescer é recusar a permanecer no conquistado, é romper com o passado, uma ruptura que vai levar a uma descontinuidade da rota até então vivida. Crescer dói porque nos leva a dar um passo quando queríamos ficar parados. Os fariseus foram incapazes de entender o que Jesus dizia e fazia porque reusaram-se a dar o segundo passado, a andar a segunda milha...

Todos os seres vivos, animais e vegetais e até mesmo os minerais têm em si o potencial de crescimento. Uma semente de laranja carrega em si a potencialidade de um pé frondoso carregado de frutos. Um pires com água e sal deixado por alguns dias começa a produzir pequenos cristais de sódio. Todas as plantas crescem em direção ao sol.

Creio que o cristão traz em si a capacidade de crescimento que o Espírito nos dá. Se não temos crescido devemos olhar o que tem impedido esse processo. Muito provavelmente desenvolvemos apegos à nossa forma de ser. Eles funcionam como laços que nos impedem de dizer adeus à nossa infância, aos nossos quereres, às manhas e manias, à forma fixa de pensar. Não raro vemos adultos carregando sombras não resolvidas do passado que assombram o presente, vemos homens e mulheres incapazes de um relacionamento saudável por conta de resquícios infantis, que tinham sentido lá atrás, mas agora só trazem complicações.

Paulo diz que ele plantou, Apolo regou, mas Deus é quem dá o crescimento. Todo pai quer ver seu filho crescendo. É o processo natural. Mas quando vemos, nas regiões subnutridas de nosso país, pessoas que não crescem devido ao nanismo, doença que causa um baixo desenvolvimento corporal. Logo, ficamos imaginando que pode estar havendo no meio evangélico um nanismo espiritual, provocado por uma alimentação inadequada ou por um desejo próprio, mas oculto da consciência, de permanecer ad eternum no mesmo estágio.

Todos os autores bíblicos exaltaram a profundidade do conhecimento e das maravilhas de Deus. É quase uma afronta, diante do Rei, ficar na superfície, viver de modo fútil, brigar por bobagens, contentar-se com a mediocridade, buscar repetir experiências que, no passado, tiveram seu significado, mas hoje não tem mais...

Obsessão pelo passado, ou tentar encontrar no presente imagens de um passado que já se foi podem indicar um estratagema mental para não olhar para frente, e com isso não ter a responsabilidade de crescer.

Anões espirituais recusam-se a quebrar paradigmas, a ir além do que foi dado. Não há coragem para invocar a Deus e pedir-lhe para revelar-nos coisas novas e ocultas que não sabemos (Jr 33.3).

Crescer dói, mas sem crescer não como alcançar a estatura que Deus deseja para nós.


Daniel Rocha

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Coragem

confie em Deus, tenha fé, peça ajuda Deus


Existem situações que pensamos que não vamos conseguir nos levantar. Internamente ficamos prostrados de tal forma que realmente não acreditamos que vamos conseguir nos levantar novamente e começar tudo de novo. Tudo de novo, esse é problema, pensamos, não vou conseguir fazer tudo mais uma vez. Dessa vez eu não vou conseguir me levantar.

 E se não bastasse isso, ainda ouvimos até mesmo de pessoas que amamos: Você ainda vai insistir nisso?! Porque não procura outra coisa para fazer? Do que adianta tanto esforço? Para onde você pensa que está indo?

Então, além de prostrados, ficamos completamente desestimulados, porque as pessoas que fazem tais perguntas e afirmações não sabem que para conseguirmos alcançar nossos sonhos, precisamos, muitas vezes, pagar um alto preço, que a conquista requer sacrifícios e que cair e errar são inerentes a persecução de conquistas. Infelizmente essa situação nos coloca em estado de medo de tentar novamente, pois sabemos que existe a possibilidade de não conseguirmos e consequentemente sermos taxados de incapazes. E esse julgamento é mais doloroso que a própria derrota em si. Como diz William Douglas:

Exatamente por vivermos em uma sociedade que apenas enaltece o triunfo, muitos passam a ter medo de tentar porque cada tentativa traz em si a possibilidade da vitória ou da derrota, do acerto ou do erro.

O pavor diante do erro e da derrota torna-se algo tão profundo que a pessoa prefere não tentar do que tentar e eventualmente ser derrotado ou errar.

Contudo, se você não pode perder, também não pode vencer.

Precisamos ter coragem para nos levantar e começar de novo. É importante lembrar, que coragem não é a ausência de medo. Coragem (do latim coraticum) é a habilidade de confrontar o medo, a dor, o perigo, a incerteza ou intimidação.

É importante termos em mente que o medo não vai desaparecer, pois de fato existe a possibilidade de uma nova derrota, no entanto, se quisermos vencer, precisamos levantar e tentar novamente, apesar do medo.

Lembremo-nos de uma lição bíblica. Pedro afogou-se não porque teve medo, mas porque perdeu o foco. O medo pode nos paralisar, mas se tirarmos nossos olhos do foco podemos afundar-nos de vez.

Começar de novo, não é uma tarefa fácil, partir do ponto inicial novamente não é algo que provoque entusiasmo. Requer muita paciência, força e esperança. Paciência para começar do zero e fazer tudo de novo, força para percorrer o mesmo caminho, dar os mesmos passos e não desistir e esperança de que, dessa vez, vai dar tudo certo. 


Autor Desconhecido

sexta-feira, 16 de maio de 2014

A quem você ouve?



As pessoas de um modo geral lidam diariamente com uma dosagem muito forte de negativismo. Por que não tentar ver as coisas pelo lado positivo? Por que não tocar determinadas coisas e fazê-las desabrochar? Thich Nhat Hanh

Quanto a isto não tenha dúvida: as limitações que as outras pessoas estão lhe impondo hoje, são as limitações que elas mesmas enfrentam. Não creia naqueles que dizem que você não pode atingir um determinado alvo ou alcançar um determinado patamar nesta vida. Isso é apenas opinião deles. Esta não é a sua realidade. 

O mundo está cheio de gente bem sucedida que a elas lhes foram dito repetidas vezes que nunca seriam bem sucedidas e que alcançar aquele sonho era algo impossível. Essas pessoas simplesmente recusaram a ouvir tais declarações. Elas foram sábias o suficiente para não se limitarem com as limitações dos outros. Elas foram bem sucedidas porque foram em frente a despeito dos seus detratores. 

Ao se dirigir em direção à concretização do seu sonho com determinada persistência e compromisso, ouça o coração de Deus. Ouça Aquele que tem sonhos preciosos para sua vida. Aquele que tem prometido concluir a bela obra que Ele começou em você. A quem você está dando o seu ouvido? A resposta a esta pergunta poderá fazer uma diferença fundamental na sua vida. 

Para Meditação:

Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais.Jeremias 29.11



Nélio da Silva

sexta-feira, 9 de maio de 2014

Aprendendo a amar



"..Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento...Amarás ao teu próximo como a ti mesmo."
Mat. 22: 37 - 39


Você sabe amar?
Eu estou aprendendo.
Estou aprendendo a aceitar as pessoas, mesmo quando elas me desapontam, quando fogem do ideal que tenho para elas, quando me ferem com palavras ásperas ou ações impensadas.
É difícil aceitar as pessoas como elas são, não como eu desejo que elas sejam, mas como elas são!
É difícil, muito difícil, mas estou aprendendo.
Estou aprendendo a amar.
Estou aprendendo a escutar, escutar com os olhos e ouvidos, escutar com a alma e com todos os sentidos.
Escutar o que diz o coração, o que dizem os ombros caídos, os olhos, as mãos irrequietas.
Escutar a mensagem que se esconde por entre as palavras corriqueiras, superficiais.
Descobrir a angústia disfarçada, a insegurança mascarada, a solidão encoberta.
Penetrar o sorriso fingido, a alegria simulada, a vanglória exagerada.
Descobrir a dor de cada coração.
Aos poucos, estou aprendendo a amar.
Estou aprendendo a perdoar, pois o amor perdoa, lança fora às mágoas, e apaga as cicatrizes que a incompreensão e insensibilidades gravam no coração ferido.
O amor não alimenta mágoas com pensamentos dolorosos.
Não cultiva ofensas com lástimas e autocomiseração.
O amor perdoa, esquece, extingue todos os traços de dor no coração.
Passo a passo, estou aprendendo a perdoar, a amar.
Estou aprendendo a descobrir o valor que se encontra dentro de cada vida, de todas as vidas, valor soterrado pela rejeição, pela falta de compreensão, carinho e aceitação, pelas experiências duras vividas ao logo dos anos.
Estou aprendendo a ver as pessoas a sua alma, e as possibilidades que Deus lhes deu.
Estou aprendendo, mas como é lenta a aprendizagem!
Como, é difícil amar, amar como Cristo amou!
Todavia, tropeçando, errando, estou aprendendo...
Aprendendo a por de lado as minhas próprias dores.
Meus interesses, minha ambição, meu orgulho quando estes impedem o bem-estar e a felicidade de alguém.

Autor desconhecido

terça-feira, 22 de abril de 2014

O gato e o urso




Griz, um desajeitado urso cinzento de 280 quilos, revolvia seu almoço no Wildlife Imagens, um centro de reabilitação de animais perto de Grants Pass,
no Oregon.
No balde de comida de Griz, com capacidade de 4 litros, havia maças, laranjas, verduras, ração, frango e carne de cervos mortos na estrada - um banquete que ele devorava com tamanho prazer que sequer notou a presença de um gatinho rajado laranja, de dois meses de idade, que estava na cerca do cercado dos ursos.

O filhote, que pesava uns 200 gramas, tinha sido deixado no abrigo e estava perdido e faminto. Aproximando-se cautelosamente de Griz, o gatinho sentou-se perto dele e miou pedindo comida.
Quando Griz desviou os olhos do seu almoço e contemplou a minúscula criatura, Dave Siddons, o fundador do abrigo, observou alarmado.

- Ai, meu Deus! - pensou - Griz vai comer esse filhote.

Mas Dave nunca conseguiria alcançar o filhote a tempo. A qualquer momento, Griz sem dúvida lhe daria uma patada e o mataria para comê-lo de sobremesa.
Embora Griz fosse um animal de índole extremamente dócil, ele poderia ser tão violento como qualquer outro urso quando estava caçando para comer.

Quando filhote, um trem o havia atropelado e danificado seu cérebro enquanto ele catava grãos espalhados no chão, perto da estrada de ferro
de Montana. Uma tribo de nativos o colocara num caixote e o mandara inconsciente para Dave que, com a ajuda de sua equipe, tratara do animal
e o alimentara por semanas, fazendo com que comesse em sua mão.

No entanto, o urso não seria gentil a ponto de não matar o gatinho.
Cerrando os dentes, Dave preparou-se para a tragédia.

Griz olhou para o filhote e não fez nada. Então pegou uma asa de frango do monte de comida, tirou com a boca um pedacinho de carne e colocou-o no chão, ao lado da pata, para o filhote. O bichano atacou a comida, devorando-a no ato. Griz alimentou-o com mais alguns pedaços. Nesse mesmo dia, um pouco mais tarde, o gatinho aconchegou-se no peito do urso, na curva do braço, e tirou uma soneca com ele. Desse dia em diante, mesmo depois que o filhote tornou-se um gato adulto e ganhou o nome de "Cat", Griz continuou dividindo com ele sua comida.

Eles também brincavam juntos como bons amigos. Cat escondia-se atrás dos pinheiros que ficavam no cercado de Griz e saltava de repente pulando sobre o focinho do urso. Este muitas vezes carregava Cat na boca ou deixava que ele subisse em suas costas.
Às vezes Griz lambia Cat até deixá-lo com o pêlo brilhando, e à noite eles dormiam juntos.

Uma amizade difícil de acreditar? De fato. Mas prova que a compaixão pode ser o primeiro passo para que os animais - e os seres humanos - vivam em harmonia.

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Levante-se



Todos tropeçam e caem, especialmente quando estão caminhando e buscando mudanças -- seu caso. Todos se machucam e sangram, por fora ou por dentro, mesmo quando querem somente viver a vida plenamente -- seu caso. Todos se sentem exaustos, um dia ou outro, e param a caminhada para descansar quando não conseguem dar nem mais um passo -- seu caso.

Seu caso, meu caso e o caso de todos os que estão vivos. Ninguém disse que nossa aventura de viver seria fácil mas, apesar dos tropeços, quedas, dores, tristezas, ferimentos, solidão e exaustão, ainda assim você é mais forte. Mesmo quando derrubado, ou derrubada, você pode levantar e continuar.


Você é mais forte do que suas aparentes limitações e a prova disso é que sente quando algo está limitando sua vida. Se não fosse mais forte, nem notaria. Você é mais forte do que seus ferimentos, razão pela qual busca curar-se o mais rapidamente possível para voltar ao combate na vida, na família, na empresa, na escola ou onde quer que seja necessário o seu retorno. Você é mais forte do que a tristeza porque, no fundo, deseja que ela se vá para dar lugar à alegria e felicidade.

Você é bem mais forte.

Mais forte do que pensam os outros, por melhor que conheçam você. Mais forte do que pensa você, por mais que acredite conhecer-se. Mais forte do que qualquer um sobre a Terra possa achar que você é. Sua força não pode ser medida em aparelhos, não pode ser guardada nem vendida. Ela está ai dentro e só você pode usa-la, quando achar que deve, quando achar que pode, quando achar que vai.

Suas derrotas não são permanentes, como diz Marilyn vos Savant ao afirmar: “Ser derrubado é freqüentemente uma condição temporária. Desistir é o que a torna permanente.” E você não vai desistir, porque você é mais forte, e sempre será mais forte.

Mostre isso ao mundo hoje e se, por qualquer razão, você tropeçar e cair, lembre-se: você é mais forte. Respire fundo, levante-se e não desista. Desistir é o que torna toda derrota permanente. Levantar-se é o que torna toda derrota somente mais uma lição em direção ao seu imbatível sucesso.

 (Autor:Thaís Gardel)

quinta-feira, 27 de março de 2014

Aquietar o coração



* Aquietar o coração é entregar os sonhos, projetos, conceitos, valores nas mãos do Deus Soberano. 

* Aquietar o coração é acreditar que Deus revolucionará sua vida por meio das Suas Promessas.

* Aquietar o coração é ver as mãos do Senhor no arado destinado para você.

* Aquietar o coração é ver a proteção do Senhor quando nos sentimos humilhados e rejeitados pelas pessoas. 

* Aquietar o coração é encontrar no auge da insegurança um porto seguro em uma pessoa considerada comum por fora e especial por dentro - Jesus Cristo.

* Aquietar o coração é confiar no Seu poder transformador e que Suas Bênçãos vêm do Pai das Luzes.

* Aquietar o coração é reduzir os passos e enxergar em cada detalhe de sua vida um espetáculo maravilhoso.

* Aquietar ser coração é deixar que o refrigério do Espírito Santo supra suas ansiedades.

* Aquietar seu coração é deixar o Senhor mudar o seu viver; é permitir que Ele seja o verdadeiro Autor da sua vida! 


AUTOR DESCONHECIDO

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...