De mãos dadas

paz de Jesus, confia no Pai


Pai e filho trafegavam a pé, pelas avenidas da grande Metrópole. Um barulho atormentador, carros passando com tudo, motoqueiros fazendo zigue zague , gente como nunca transitavam pelas calçadas cada um sendo mais apressado, rumo a seu itinerário. 
A criança estava apegada à mão do pai, e este estava fazendo um malabarismo para desviar de pedestres, muito atento ao trânsito pesado , que exige a máxima atenção . 

Ao atravessar o farol ( sinaleiro). Enquanto o pai fazia uma ginástica para livrar dos obstáculos, chegar ileso do outro lado à criança tranquila, e do outro lado da avenida, perguntou ao pai quantos andares tinha o prédio que estava em frente. O pai não soube responder, nem se quer tinha notado o prédio, porque sua atenção estava voltada para o trânsito. O Senhor não sabe? Tem trinta e dois andares. 

O trânsito sobrecarregado das Metrópoles, os obstáculos, o barulho ensurdecedor, nada disso afetou a criança que transitou com tranquilidade e liberdade para contar os andares do prédio. Os seus problemas estavam depositados e confiava na pessoa de seu pai. Enquanto ele dava seus pulos para seguir o caminho, ela observava com detalhes tudo em volta sem preocupar com nada. Imagine o que poderia acontecer, se essa criança desvencilhasse de seu pai e fosse fazer ao seu modo esse mesmo percurso , com sua atenção voltada para o prédio? Nem é bom pensar. 

Assim é a vida, de muitos que não estão de mãos dadas ao Pai celestial , para serem protegidos e conduzidos pelas avenidas de suas vidas, preferem estar sozinhos em meio a turbulência de suas jornadas. Quantas pessoas envolvem em desastres espirituais porque não estão de mãos dadas com Deus. Quantos foram atropelados espiritualmente: oravam, jejuavam, meditavam na Palavra de Deus, deixou suas mãos escapulir das mãos de Deus e vivem atribulados de um lado a outro tentando escapar sozinhos do trânsito e tragédias da vida. Enquanto poderiam estar sendo conduzidos, por Deus, suas vidas estariam uma benção.

Como é mais fácil ser conduzidos pelo Pai. Com Ele nos guiando temos certeza que as avenidas perigosas não são obstáculos para nós , Ele cuida de tudo, logo passamos para o outro lado sem sermos atropelados , sem escoriações, sem dano algum, andando todo percurso com tranquilidade, até para brincar , contar quantos andares existem nos prédios ao lado.

E aí você!.. Porque preocupas, se estás de “ Mãos dadas com Jesus” ? Deixa os problemas das avenidas, esqueça o trânsito maluco , infernal, confie n´Ele . Fique tranquilo, pode contar os andares das torres, enquanto seu Pai celestial te conduz sem envolver em acidentes.

As mãos de Deus estão estendidas para te socorrer assim como os ouvidos atentos para ouvir seu pedido de “ SOS” . Ata a sua mão com a Dele e descanse.

Is 59:1 Eis que a mão do Senhor não está encolhida, para que não possa salvar; nem agravado o seu ouvido, para não poder ouvir.


Comentários