quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Começar de Novo



Tem que começar de novo sim!
Se a caminhada está difícil, se percebeu que pegou o caminho errado, tem que dar meia volta e procurar um novo rumo.
Nessa busca, não há espaço para o orgulho, por isso, pergunte, informe-se, converse, quem já amou e foi feliz, nunca se esquece.
Tem que reerguer-se sim!

Nada de ficar no chão, esperando a misericórdia ou a piedade de sabe-se lá de quem.
O chão, é o demarcador da derrota e também da vitória.
Muita gente aproveitou a queda para crescer, porque será diferente com você?
Olhe para o horizonte com novas lentes, com olhos coloridos pela esperança.
com sonhos e desejos dessa criança, que habita em cada um de nós, e insiste, em fazer de cada problema, um tijolinho, que será usado na reconstrução de nós mesmos, nos projetos mais ambiciosos ou nos sonhos de simplicidade.

E já que o tempo não coloca limites, não são os outros e nem mesmo a sua idade, que vão impedir o seu crescimento, pois quando você quer, você pode.
Se precisava de um recado, ele chegou, se precisava de um estímulo, aqui está, se queria uma força renovadora, ela se apresenta, é o dia de hoje, cheio de possibilidades, que se apresenta como presente único, aproveite-o, cresça e apareça.
A vida te saúda e bate palmas para sua decisão, de recomeçar mais leve, cheio de razão, com alma limpa e desejos de renovação, sem nunca perder a ternura, vivendo com emoção.
Sempre é tempo de ouvir o seu coração.


Autor Desconhecido

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

A porta




Um famoso pintor iria mostrar ao público sua última obra. Como ele era importante e muito famoso todos queriam ir à festa. Vários repórteres de jornais, revistas e televisões estavam presentes, o prefeito da cidade e muitas autoridades e pessoa influentes da cidade. Um ar de mistério estava no ar, pois o quadro estava coberto por um lindo tecido de veludo azul.

Chegada a hora de descobrir o quadro, todos ficaram em profundo silêncio. Quando se descobriu o quadro, houve um instante de silêncio, seguido por caloroso aplauso.

Era uma impressionante figura de Jesus batendo suavemente à porta de uma casa. Com o ouvido junto à porta, Ele parecia querer ouvir se lá de dentro alguém respondia.

Houve alguns discursos e muitos elogios. Todos estavam admirados com a obra de arte.

Porém, um curioso observador acreditando achar uma falha na pintura, foi questionar o pintor:

Há uma falha em sua pintura, a porta não tem fechadura, como se fará para abri-la?
Nisso o pintor respondeu:
- É assim mesmo. Esta é a porta do coração humano, só se abre pelo lado de dentro .

Jesus nos faz um convite :Apocalipse 3:20 Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo.

Quem deseja abrir sua porta para Ele ?

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Um lápis na mão de Deus




"Somos apenas um lápis nas mãos de Deus, é Ele quem nos escreve."
"Por que um lápis e não uma caneta?"

O lápis por si é mais simples do que a caneta, e uma característica dele é que quando a sua ponta quebra ou está acabando, podemos apontá-la novamente, e ao errarmos
ao escrever, damos um jeito de apagar. Ao passo que a caneta, ao acabar a tinta, por mais bela que seja, geralmente, é jogada fora e também não conseguimos apagar a sua escrita.

Deus vai nos "apontando" na escrita da vida. Quanto mais somos "apontados", tanto melhor fica a escrita. Não é fácil passarmos por este processo, mas a nobreza do lápis está em se deixar gastar para servir da melhor maneira possível.

O Senhor até poderia escrever a nossa história à caneta, só que, muitas vezes, nós a pegamos para escrever e "escrevemos errado", ou seja, quando não fazemos as escolhas certas, e isso traz sérias conseqüências para a nossa vida.

Escolhas e decisões




Dizem que na vida é muito importante saber escolher bem as coisas. Saber decidir no momento certo, em situações certas, aconselhando-se com pessoas certas.

Conta uma lenda que certa mulher pobre com uma criança no colo, passando diante de uma caverna escutou uma voz misteriosa que lá dentro lhe dizia: Entre e apanhe tudo o que você desejar, mas não se esqueça do principal. Lembre-se, porém, de uma coisa: Depois que você sair, a porta se fechará para sempre. Portanto, aproveite a oportunidade, mas não se esqueça do principal.

A mulher entrou na caverna e encontrou muitas riquezas. Fascinada pelo ouro e pelas jóias, pôs a criança no chão e começou a juntar, ansiosamente, tudo o que podia no seu avental.

A voz misteriosa falou novamente: Você só tem sete minutos.

Esgotados os 7 minutos, a mulher carregada de ouro e pedras preciosas, correu para fora da caverna e a porta se fechou...

Lembrou-se, então, que a criança ficara lá e a porta estava fechada para sempre!

A riqueza durou pouco e o desespero, sempre.

O mesmo acontece, às vezes, conosco. Temos uns setenta anos para viver neste mundo, e uma voz sempre nos adverte: Não esqueça do principal. E o principal são os valores espirituais, a oração, a vigilância, a família, os amigos, a vida! Mas a ganância, a riqueza, os prazeres materiais fascinam tanto que o principal vai ficando sempre de lado... Assim, esgotamos o nosso tempo aqui, e deixamos de lado
o essencial: Os tesouros da alma!
Porque temos a tendência de amarmos as coisas e usarmos as pessoas, se Deus criou as pessoas para amarmos e as coisas para usarmos?

São escolhas e decisões...

Em Lucas 10.38-42, o evangelista nos mostra que Maria escolheu a parte que é a melhor de todas, e esta ninguém vai tomar dela: ouvir o que o Mestre e Salvador Jesus tem a nos dizer. Marta não estava totalmente errada, pois o que ela fazia era importante, diga-se de passagem, porém, não adequada e nem extremamente necessária para o momento.

Uma vez que Deus nos escolhe, pela fé em Cristo, nós podemos ser também pessoas que dedicam o seu precioso tempo para refletir e ouvir a melhor parte, a fim de não nos esquecermos do principal em nossas vidas.

Que Deus nos ajude e fortaleça esta certeza em nossos corações.

Leia Também: Cuida do que é mais importante - O cavalo e os diamantes

domingo, 21 de agosto de 2011

Caminhando e Confiando...




Por que te confundes e te agitas diante dos problemas da vida?
Deixe-me cuidar de todas as tuas coisas e tudo será melhor.

Quando se entrega a Mim tudo se resolverá com tranqüilidade segundo os meus intuitos.

Não se desespere, não me dirija uma oração agitada, como se quisesse exigir o cumprimento de seus desejos.

Feche os olhos da sua alma e me diga com calma:
"- Jesus eu confio em Ti".

Evite as preocupações, angústias e os pensamentos sobre o que ocorrerá. Não atropele os Meus planos, querendo impor as tuas idéias.

Deixa-Me ser Deus e atuar com liberdade.

Entregue-se e confie em Mim.

Descanse em Mim e deixe em minhas Mãos o seu futuro.

Diga freqüentemente: Jesus eu confio em Ti.
A tua razão e as tuas próprias idéias e o fato de você querer resolver as coisas a sua maneira te trazem muitos prejuízos.

Quando me diz: Jesus eu confio em Ti, não seja como um paciente que pede ao médico que o cure, porém lhe sugere o modo de fazer.
Deixe-Me levá-lo em meus braços divinos, não tenha medo, EU TE AMO.

Se acredita que as coisas pioraram e complicaram apesar de sua oração, siga confiando.

Feche os olhos de tua alma e confie, filho(a) Meu.

Continue dizendo em todos os momentos: "Jesus eu confio em Ti".

Preciso das tuas mãos livres para poder trabalhar.

Não me deixe de mãos atadas com suas preocupações inúteis; inimigos querem isto: agitar-te, angustiar-te e tirar a tua paz.

Confie somente em Mim, entregue-se a Mim.

Assim não te preocupes, entregue a Mim todas as tuas angústias e durma tranqüilamente. Diga sempre:

"Jesus eu confio em Ti" e verás grandes milagres.

Eu Te prometo por meu amor,
Com carinho,
Jesus Cristo!

Deus te abençoe,

Autoria de:
Lista Gotas de Bênçãos.

Deus nunca se engana!




Há uma igreja nos EUA chamada "Almighty God Tabernacle" (Tabernáculo do Deus Todo-Poderoso).
Num sábado à noite, o pastor dessa igreja ficou trabalhando até mais tarde e decidiu chamar sua esposa por telefone antes de voltar para casa.

Era por volta das 22h.
A esposa não atendeu ao telefone, apesar do pastor deixar tocar várias vezes.
Ele pensou que sua esposa estivesse ocupada e continuou a fazer mais algumas coisas.

Mais tarde, ele tentou de novo e sua esposa atendeu de imediato.
Ele perguntou por que ela não havia atendido antes e ela disse que o telefone sequer havia tocado.

Na segunda-feira seguinte, o pastor recebeu um telefonema no escritório da igreja do número que ele havia discado no sábado à noite.

O homem com quem falava queria saber o porquê o pastor havia ligado para ele no sábado.
O pastor não entendeu o que aquele homem estava dizendo.
Então, o homem disse:

"O meu telefone tocou, tocou, mas eu não respondi."
O pastor então lembrou-se do engano e pediu desculpas por pertubá-lo,explicando que ele havia tentado falar com sua esposa.

O homem respondeu,tudo bem.
Deixe-me contar minha história:

Eu estava planejando me suicidar no sábado à noite.
Antes, porém, eu orei dizendo:

"Deus, se tu existes e estás me ouvindo e não queres que eu faça isso, dá-me um sinal, agora.
Naquele momento, o telefone começou a tocar.
Eu olhei para o identificador de chamadas e lá estava
escrito: "Almighty God"(Deus Todo-Poderoso).
E eu fiquei com medo de atender!"

Nem sempre podemos saber a importância de um telefonema ou e-mail enviado a um amigo ou até por engano a alguma pessoa.
Nao se chateie se, de repente, perceber que o fêz por engano.
Deus nunca se engana!


(autor desconhecido)

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Eu desisto




É isso mesmo, entreguei os pontos, não dá mais, acabou.
Essa frase soa com tanta força não é?
Mas é verdade eu desisto mesmo de um monte de coisas.

Desisti de reclamar de quem não quer aprender. Decidi me concentrar em quem quer.
E se você olhar bem direitinho, perto de você tem um monte de gente sedenta de conhecimento.

Desisti de tentar emagrecer para ser igual aos outros;
Resolvi ter o peso que eu devo ter,por uma questão de saúde, por uma questão de bem estar.Só isso.

Desisti de tentar fazer as pessoas pensarem do jeito que eu gostaria que elas pensassem;
Achei melhor buscar respeitar o outro do jeito que ele é.
Imagina se o mundo fosse feito de milhões de pessoas iguais a mim , Ah isso seria um tormento!

Desisti de procurar um emprego perfeito e apaixonante.
Achei que estava na hora de se apaixonar pelo meu e fazer dele o acontecimento mais incrível da minha vida enquanto durar.

Desisti de procurar defeito nas pessoas.
Achei que estava na hora de colocar um filtro e só ver o que as pessoas têm de melhor.
Defeito todo mundo tem, quero ver achar qualidades em quem parece não tê-las.

Desisti de ter o melhor, o mais psico-técnico-cibernético celular do mercado.
Agora eu só quero um telefone pra falar.
É muito frustrante, comprar o mais novo modelo e dias depois ver que ele já foi superado, é pra isso que as indústrias trabalham.
Aproveitei e apliquei também aos outros produtos, como relógio, computador, máquina fotográfica, carro....

Desisti de impor minha opinião sobre tudo;
Decidi que de agora em diante vou ouvir todas as opiniões mesmo as contrárias, e vou tentar tirar proveito de cada uma delas.
É mais barato compartilhar as opiniões do que brigar para manter uma só.

Desisti de tanta pressa. Tudo na vida tem seu tempo. Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu. (Eclesiastes 3:1)

Não quer dizer que vou deixar a vida me levar e parar de correr atrás do que acredito, mas não vou me desesperar se perder o trem. Sei lá o que iria acontecer com ele.

Desisti de correr da chuva.
Tem coisa mais gostosa do que banho de chuva?
Há quanto tempo não sinto o cheiro da terra molhada.
E se o resfriado chegar, não vai ser o primeiro nem o último.

Eu desisti de estudar por obrigação, agora faço das minhas leituras um momento de prazer...
Cadeira confortável pés pra cima ,chocolate quente......

SE EU FOSSE VOCÊ DESISTIA TAMBÉM...
Tem um monte de coisas que você faz ,carrega e sente , e que não precisa .
                                                     
PENSE NISSO!!!


domingo, 14 de agosto de 2011

Hoje




Hoje Deus quer ter algo com você,
Hoje Ele quer tratar com você,
Hoje Ele quer te libertar,
Hoje Ele quer te ouvir,

Hoje Ele quer te pegar em Seus braços,
Hoje Ele quer sarar as suas feridas,
Hoje Ele quer que você libere tudo e deixe aos pés dEle,
Hoje Ele quer que você esqueça de tudo, e pense só nEle.

Hoje Ele quer que você se desapegue das coisas desse mundo,
Hoje Ele quer que você deixe ser levado por Ele a uma outra dimensão,
Hoje Ele quer mostrar pra você os Seus mistérios e segredos,
Hoje Ele quer levar você a um nível de intimidade que você nunca foi ou conheceu.

Hoje Ele quer que você O ame um pouco mais,
Hoje Ele quer que você insista um pouco mais,
Hoje Ele quer que você se renda um pouco mais,
Hoje Ele quer que você O prefira um pouco mais.

Hoje Ele quer que você O adore, e não observe.
Hoje Ele quer que você responda à Presença de Deus,
Hoje Ele quer que você se aquiete aos pés dEle,
Hoje Ele quer que você desabafe com Ele.

Hoje Ele quer que você se humilhe,
Hoje Ele quer que você rasgue o seu coração,
Hoje Ele quer que você vista o seu coração de pano de saco,
Hoje Ele quer que você ofereça a Ele um louvor espontâneo.

Hoje Ele quer que você seja um sacerdote,
Hoje Ele quer que o Seu louvor, adoração e oração suba a Ele como um incenso.
Hoje Ele quer que você suspire por Ele.
Hoje Ele quer que você se apaixone por Ele.

Hoje Ele quer que você chame Ele de Abba-Pai,
Hoje Ele quer que você chame Ele de Papai,
Hoje Ele quer que você não apenas O sirva,
Hoje Ele quer que você O conheça.

Hoje Ele quer que você entre no seu quarto, feche a sua porta e se aquiete aos Seus pés.

Não é amanhã ou depois de amanhã, é HOJE!

Karina A. Todorov

Deus cuida de você




Deus te criou com força, capacidade, inteligência. Concedeu a sua vida o dom da FELICIDADE. Permitiu e contemplou o teu nascimento. Todas as suas necessidades o Senhor tem suprido. Os sonhos almejados por você estão no coração do Pai. A cada novo amanhecer, O Altíssimo tem ouvido as suas súplicas, derramado graça e paz em teu caminho. Ele tem feito resplandecer a vitória quando tudo parece não ter solução.

O Rei Jesus tem sondado os teus passos, conduzido as suas ações. Os olhos do Criador estão sobre você, sendo um escudo de proteção. Um Exército de Anjos permanece acampado, agindo a seu favor. O Mover do Espírito Santo guarda o seu íntimo e emana o Consolo nos momentos de dúvidas e incertezas.

Nos dias de fraqueza, lamento e dor, A Luz do Filho de Deus se faz presente como fonte inesgotável, revigorando as suas forças. Os que tramam sordidamente contra a sua vida são banidos pela justiça do Redentor. Os seus inimigos gratuitos se alegram com o teu mal, mas o Soberano El Shadday intercede por você, não permitindo a sua queda.

O Grande Eu sou é quem restaura, transforma e muda a história de sua vida. O imutável amor do Pai o encoraja a olhar além das suas limitações. Ele o criou para habitar em você. Nesse momento, a voz do Príncipe da paz o está levantando, tocando o seu coração, preenchendo-o com refrigério, misericórdia e poder. A forte destra do Senhor está agindo em seu lugar. Ele te carrega em seu colo paterno, o leva onde você precisa chegar.


Deus vê em você a maravilha que Ele contemplou quando o criou a sua imagem e semelhança. Por isso, se entregue sem reservas ao plano divino, creia tão somente no mover do SENHOR DOS EXÉRCITOS operando no seu ser, pois você é o melhor que Ele possui!!!!!!!!


Minha oração é que estas palavras ministrem a sua vida em todo tempo... Que elas, de alguma maneira, lhe ajudem a colocar seus olhos, suas ansiedades, seus sonhos e expectativas somente no Senhor. Que lhe possibilitem descansar e esperar o cumprimento das promessas! Que o renovo seja derramado como um vento impetuoso, sarando suas feridas.

Toda a Honra e toda Glória pertencem ao Senhor!!!!!!

Bárbara Rebouças

Seja dependente de Jesus




“Eu sou pobre e necessitado; mas o Senhor cuida de mim. Salmos 40.17a.”


Não é pequeno o número de pessoas que se considera auto-suficiente, ou seja, que se basta a si mesmo; nem mesmo Deus tem qualquer lugar na vida dessas pessoas e muito menos, meros mortais tal qual somos. No entanto, quando as adversidades batem fortemente em suas vidas, não raras vezes, o dinheiro que possuem não pode comprar a saúde. A elevada posição social é insuficiente para proporcionar-lhes a genuína alegria. Os entretenimentos deste mundo, não enchem o coração com uma paz duradoura, as luxuosas mansões não dão a segurança que tanto almejam, e na hora da morte, uma infinita angústia e uma incerteza assustadora, estarão lhes atormentando a alma.

O salmista Davi mesmo sendo um rei, na declaração acima, demonstra sua inteira dependência de Deus. Feliz é o homem que reconhece que de si mesmo, nada pode fazer. O próprio Senhor Jesus disse: “Sem mim, nada podeis fazer.”(João 15. 5) Quando nos colocamos aos cuidados de Jesus Cristo, diariamente devemos levantar nossa voz em oração a Deus e dizer: Dependo inteiramente de Ti Senhor, te agradeço, porque ao depender de ti, tenho convicção da vitória!


Pr. João da Cruz Parente

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Pendurado num Galho




José estava sentado firmemente no seu galho na árvore. Este era grosso, confiável e perfeito para servir de assento. Era tão forte que não tremia com as tempestades, nem se agitava quando os ventos sopravam. Aquele ramo era previsível e sólido e José não tinha intenção de deixá-lo.

Isso até que lhe ordenaram que subisse num outro ramo.

Sentado a salvo em seu ramo, ele olhou para aquele que Deus queria que subisse. Jamais vira outro tão fino! “Esse não é lugar para um homem ir!” disse consigo mesmo. “Não há lugar para sentar. Não há proteção das intempéries. E como seria possível dormir pendurado nesse galhinho vacilante?” Ele recuou um pouco, apoiou-se no tronco e pensou na situação.

O bom senso lhe dizia que não subisse no galho. “Concebido pelo Espírito Santo? Pense bem!”

A autodefesa lhe dizia para não fazer isso. “Quem vai acreditar em mim? O que nossas famílias vão pensar?”

A conveniência o aconselhava a não fazê-lo. “Bem quando eu esperava estabelecer-me e criar uma família.”

O orgulho lhe recomendava o mesmo. “Se ela pensa que vou acreditar numa história dessas…”

Mas Deus lhe dissera para fazer isso, sendo essa a sua preocupação.

A idéia o aborrecia porque estava feliz na situação presente. A vida perto do tronco era boa. O seu ramo era suficientemente grande para permitir que ficasse confortável.

Acho que alguns de vocês compreendem José. Sabem como ele se sente, não é? Já estiveram ali. Você sorri porque já foi também chamado para arriscar-se e subir em outro galho. Conhece o desequilíbrio gerado quando tenta manter um pé na sua própria vontade e outro na Dele. Você também enfiou as unhas na casca da árvore para segurar-se melhor. Você conhece muito bem as borboletas que voam na boca de seu estômago quando percebe que há mudanças no ar.

Talvez mudanças estejam justamente no ar agora. Talvez você esteja em meio a uma decisão. É difícil, não é mesmo? Você gosta do seu ramo. Acostumou-se com ele e ele com você. Da mesma forma que José, você aprendeu a sentar. Você ouve então o chamado. “Preciso que suba em outro ramo e … tome uma posição.
mude.
perdoe.
evangelize.
doe.

Qualquer que seja a natureza do chamado, as conseqüências são as mesmas: guerra civil. Embora seu coração possa dizer sim, seus pés dizem não. As desculpas surgem como folhas douradas quando sopra um vento de outono. Mas eventualmente você acaba contemplando uma árvore nua e uma escolha difícil: A vontade Dele ou a sua?

José escolheu a Dele. Afinal de contas, era realmente a única opção. José sabia que a única coisa pior do que uma aventura no desconhecido era a idéia de negar seu Mestre. Resoluto então, ele agarrou o ramo menor. Com os lábios apertados e um olhar decidido, colocou uma mão na frente da outra até que ficou balançando no ar com apenas a sua fé em Deus como uma rede protetora.

Conforme o desenrolar dos acontecimentos, os temores de José foram justificados. A vida não se mostrou mais tão confortável quanto antes. O galho que agarrou era de fato bem fino: o Messias deveria nascer de Maria e ser criado em sua casa. Ele tomou banhos frios durante nove meses para que o nenê pudesse nascer de uma virgem. Ele teve de empurrar as ovelhas e limpar o chão sujo para que sua mulher tivesse um lugar para dar à luz. Ele se tornou um fugitivo da lei. Passou dois anos tentando aprender egípcio. Houve ocasiões em que esse ramo deve ter balançado furiosamente ao sabor do vento. Mas José apenas fechou os olhos e continuou firme.

Você pode estar, no entanto, certo de uma coisa. Ele jamais se arrependeu. A recompensa de sua coragem foi doce. Um só olhar para a face celestial daquela criança e ele teria feito tudo de novo num momento.

Max Lucado, em “MOLDADO POR DEUS”

Leia Também: Crescer nunca é fácil

domingo, 7 de agosto de 2011

Para onde vão as aves?




Todos nós temos momentos de dor, de fragilidade. Nesses momentos, buscamos muitas vezes respostas. Em um desses momentos, eis a canção que ouvi:

“Frente ao mar, no crepúsculo eu pude contemplar
Um bando de árvores marinhas no último revoar.
Iam encontrar o horizonte sem nem se preocupar
Se quando a noite chegasse teriam onde pousar.”

Meu rumo também era assim: não ter para onde ir, não ter certeza de voltar, não saber se tinha onde chegar. Eu queria ir com as aves e saber onde elas vão chegar.

Foi assim pensando que ali adormeci. Sonhei que existia uma ilha e o mistério conheci. Quando acordei, vi o sol que nascia e logo avistei que as aves marinhas voltavam cantando mais uma vez. Meu rumo então eu achei. Jesus Cristo eu encontrei. Ele é a ilha onde eu vou chegar se a noite em trevas me deixar. Vou continuar voando. Ele é ilha onde vou chegar.

Autor Desconhecido

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Quando dar Graças...




Agradeça a Deus quando você está perdido, pois acima disso, Ele tem tudo sobre controle.

Agradeça a Deus quando você não puder ver, pois Deus é onipresente e os quatro cantos da terra estão cheio de Sua Glória.

Agradeça a Deus quando você estiver com medo, pois Jesus disse: "Não temas, nunca te abandonarei!"

Agradeça a Deus quando as lágrimas rolarem no seu rosto, pois a todas, um anjo recolheu e levou ao Trono de Deus como incenso e súplica.

Agradeça a Deus quando algo pra ti é impossível, pois tudo é possível pra Deus.

Agradeça a Deus quando se sentir sozinho, pois então sentirá o amor de Deus te envolver.

Agradeça a Deus por ter perdido aquilo que você mais queria, ou alguém que você amou, pois Deus escolheu dar o MELHOR pra ti.

Agradeça a Deus nas fraquezas, pois  é lá onde Ele quer te fazer mais que vencedor.

Agradeça a Deus quando o seus planos não derem certos, pois quando Deus mexe em nosso planos, é porque Ele quer chamar nossa atenção.

Agradeça a Deus quando você não recebeu aquilo que esperava, pois a graça d"Ele é melhor que a vida.

Agradeça a Deus pelo seus sofrimentos que são disciplina para a fé, pois o Pai disciplina os filhos legítimos.

E agradeça a Deus quando tudo parece ao contrário, não sentimos o amor de Deus na frente,e não entendemos o que está passando, pois Deus procura os adoradores em ESPIRITO E EM VERDADE!

"Dêem graças em todas as circunstâncias, pois esta é a vontade de Deus para vocês em Cristo." I Tessalonicenses 5: 8

Crescer dói




E crescia Jesus em sabedoria, estatura e graça....

Há um livro interessante que acabou virando filme, chamado O Tambor, do alemão Günter Grass. É a história de um menino teimoso que se recusava a crescer. Quando queria alguma coisa pegava seu tambor e ficava batendo com um cabo de vassoura sobre ele até que alguém o atendesse. E já com idade adulta tinha a aparência e o corpo de uma criança.

Às vezes penso que é menos penoso continuar sendo o que sempre fomos. Para que arriscar? Para que sair do porto seguro e sangrar por rios perigosos e traiçoeiros, que não conhecemos bem? Para que sair do aconchego dos pensamentos que trazem sossego à alma, e aventurar-se por abismos e montes escarpados? O senso comum diz que viver na planície é mais seguro que escalar as altas montanhas.

Há cristãos que gostam de viver nas planícies. As montanhas lhes dão vertigens. Há cristãos que se recusam a sair da segurança encontrada nos limites do terreno em que ele mantém controle, e sair fora dessa área demarcada na alma é inimaginável para ele. É o medo de perder a identidade, é o medo do novo, o medo do não conhecido.

Crescer é abandonar posições confortáveis, é deixar o que é seguro, é começar a subir em direção ao ar rarefeito dos altos montes. Crescer é recusar a permanecer no conquistado, é romper com o passado, uma ruptura que vai levar a uma descontinuidade da rota até então vivida. Crescer dói porque nos leva a dar um passo quando queríamos ficar parados. Os fariseus foram incapazes de entender o que Jesus dizia e fazia porque se reusaram a dar o segundo passado, a andar a segunda milha...

Todos os seres vivos, animais e vegetais e até mesmo os minerais têm em si o potencial de crescimento. Uma semente de laranja carrega em si a potencialidade de um pé frondoso carregado de frutos. Um pires com água e sal deixado por alguns dias começa a produzir pequenos cristais de sódio. Todas as plantas crescem em direção ao sol.

Creio que o cristão traz em si a capacidade de crescimento que o Espírito nos dá. Se não temos crescido devemos olhar o que tem impedido esse processo. Muito provavelmente desenvolvemos apegos à nossa forma de ser. Eles funcionam como laços que nos impedem de dizer adeus à nossa infância, aos nossos quereres, às manhas e manias, à forma fixa de pensar. Não raro vemos adultos carregando sombras não resolvidas do passado que assombram o presente, vemos homens e mulheres incapazes de um relacionamento saudável por conta de resquícios infantis, que tinham sentido lá atrás, mas agora só trazem complicações.

Paulo diz que ele plantou, Apolo regou, mas Deus é quem dá o crescimento. Todo pai quer ver seu filho crescendo. É o processo natural. Mas quando vemos, nas regiões subnutridas de nosso país, pessoas que não crescem devido ao nanismo, doença que causa um baixo desenvolvimento corporal. Logo, ficamos imaginando que pode estar havendo no meio evangélico um nanismo espiritual, provocado por uma alimentação inadequada ou por um desejo próprio, mas oculto da consciência, de permanecer ad eternum - no mesmo estágio.

Todos os autores bíblicos exaltaram a profundidade do conhecimento e das maravilhas de Deus. É quase uma afronta, diante do Rei, ficar na superfície, viver de modo fútil, brigar por bobagens, contentar-se com a mediocridade, buscar repetir experiências que, no passado, tiveram seu significado, mas hoje não tem mais.....

Obsessão pelo passado, ou tentar encontrar no presente imagens de um passado que já se foi podem indicar um estratagema mental para não olhar para frente, e com isso não ter a responsabilidade de crescer.

Anões espirituais recusam-se a quebrar paradigmas, a ir além do que foi dado. Não há coragem para invocar a Deus e pedir-lhe para revelar-nos coisas novas e ocultas que não sabemos (Jr 33.3).

Crescer dói, mas sem crescer não há como alcançar a estatura que Deus deseja para nós.


Daniel Rocha

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Um tesouro verdadeiro




Hoje à noite fomos a uma reunião na escola. Quando a professora de Rachel nos encontrou, suas sobrancelhas pareceram elevar-se levemente. Falou bondosamente de nossa aluna da primeira série, mas disse que algo lhe preocupava. Ela então nos convidou para dar uma olhada no trabalho de arte; veríamos o que ela queria dizer.

Dezenas de baús cortados em papel marrom estavam fixados em um quadro. Na frente de cada um estava escrito: "UM TESOURO VERDADEIRO SERIA..."

Começamos a abrir as tampas dos baús procurando o tesouro de Rachel para ver por que ela preocupava sua professora.

Olhando em cada baú, nós encontramos TV's, Nintendo, alguns carros, amontoados de moedas de ouro e até um unicórnio. O baú de Rachel estava no cantinho inferior. Tivemos que nos abaixar para abri-lo. Dentro, nossa filha tinha desenhado Cristo, pendurado numa cruz com gotas de sangue, formando corações, gotejando de suas mãos. Tinha completado a sentença, "UM TESOURO VERDADEIRO SERIA... JESUS!"

- Viram minha preocupação? A professora perguntou, apontando o baú.
- Sim, meu marido concordou, vejo o que quer dizer. O J está para trás, não é?

Autor desconhecido

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...