Maravilha feita de cacos




"Ao único que faz grandes maravilhas, porque a sua benignidade dura para sempre" (Salmos 136:4).


Em uma das catedrais da Inglaterra, existe uma bela janela por onde penetram os raios solares. Ela apresenta fatos e personagens do Antigo e do Novo Testamento e as verdades e doutrinas gloriosas da revelação Cristã. Esta janela foi fabricada por um artista utilizando apenas vidros quebrados que haviam sido descartados por um outro artista.

Grandes têm sido as nossas aventuras ao percorrer as estradas de nossos sonhos. Nem sempre os caminhos são floridos e muitas vezes não conseguimos sentir o aroma das flores simplesmente porque elas não cresceram por onde passamos. Encontramos somente pedras que machucam nossa perseverança, espinheiros que ferem nossa fé, poeira e lama que maculam os nossos anseios. Tudo parece contribuir para que desanimemos e o castelo de nossos ideais, em ruínas, só nos mostra cacos e mais cacos de desesperança.

Devemos, então, desistir de todos os nossos sonhos depois de experimentar seguidos insucessos? Devemos nos conformar com a derrota? Claro que não! O Artista Maior, o Grande Criador, pode trabalhar em nossas vidas usando simplesmente os cacos que julgávamos sem valor e descartáveis após inúmeros fracassos e decepções. Quando tudo parece não ter jeito e sem solução, o Senhor opera grandes maravilhas transformando os pedaços em uma maravilhosa obra de arte, uma jóia de grande valor. A velha natureza, sem qualquer beleza começa a tomar forma e brilho, irradiando o fulgor e a glória do nosso Senhor Jesus Cristo.

Você acha seu viver sem nenhum atrativo? Deixe o Senhor operar em sua vida e logo ela começará a brilhar iluminando tudo ao redor.

Paulo Roberto Barbosa

Comentários