terça-feira, 8 de março de 2011

Alguém muito especial




Um menino entrou em um Pet Shop e depois de examinar todos os filhotes de cães que estavam na loja, encaminhou-se até ao balconista e lhe disse:

- Já escolhi um, qual é o preço?

O vendedor procurou certificar qual era a raça do animal e então o disse seu valor. O garoto então prometeu voltar em alguns dias já com a referida quantia, e buscaria assim o seu escolhido. O homem ainda o alertou que não se demorasse tanto, pois aquela raça é muito solicitada e por isso tem grande demanda. O menino se virou e sorrindo, com ar de quem entendera, replicou:

- Não estou preocupado, o meu, com certeza, vai esperar por mim...

Nos dias que se seguiram, aquela criança, disponibilizou-se com afinco ao trabalho: engraxou sapatos; lavou carros; cortou gramas; vendeu picolés; entregou jornais e enfim, econômico que fora, conseguira o montante suficiente para adquirir o seu desejável mascote.

Voltou então à loja e entregou ao atendente um maço de notas. Depois de conferi-las, o moço mui simpático, lhe disse:

- Está bem, filho! Pode buscar o seu cãozinho...

Mais que depressa, ele foi até a gaiola onde estava o seu amiguinho e o encontrou da mesma forma que o deixara lá. Era na verdade um cachorrinho feio, magricela e deficiente de uma perna. O comerciante com pena do menino tentou incentivá-lo trocar a mercadoria:

- Não leve esse, garoto, ele é manco e não poderá correr e brincar com você... Se quiser, pode escolher qualquer outro, pelo mesmo valor, deixarei você levar qualquer um que está em exposição.

- Não! Respondeu o menino, não quero outro, te agradeço pela sua atenção, mas este aqui é exatamente o cachorrinho que eu procurava...

Quando o guri virou-se para ir embora, então o moço compreendeu o porquê da sua escolha. Na parte de baixo da calça do garoto se podia ver que havia uma prótese em lugar de sua perna esquerda, e, portanto, concluiu que o garoto, tal qual o seu cãozinho, era também deficiente.

Ora, por que será que o menino escolhera justamente o cãozinho deficiente? Simples, porque sabia exatamente como ele se sentia, e o quanto ele era especial por isso.

Jesus Cristo também fez o mesmo por você: Fez-se humano; tornou-se como você justamente por notar que és alguém muito especial. Ele viveu as mesmas dificuldades que você vive: dores; angústias; solidão; humilhação; fome; sede; discriminação; desprezo... E até sofreu bem mais do que você, pois o Seu sofrimento tornou-se martírio, e Ele sofreu até a morte. E foi por você...

 “Ele foi traspassado pelas nossas transgressões, e moído pelas nossas iniquidades; O castigo que nos traz a paz estava sobre Ele, e pelas Suas pisaduras fomos sarados" (Isaías 53:5)

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...