segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Loja de sapatos




Uma senhora entrou na loja disposta a pagar qualquer preço por um sapato novo, bonito e confortável. Experimentou um, calçou outro, e nada.
Quando calçava bem, não era bonito. Se era bonito, não era confortável. Mesmo os modelos mais caros não agradavam, sempre faltava alguma coisa.
Após experimentar uma enorme pilha, finalmente encontrou aquele que procurava.Macio, confortável e de modelo muito bonito.
-Achei! Quanto custa? - perguntou.
-Nada madame, esse já está pago - respondeu o vendedor - esse a senhora estava calçando quando entrou na loja. É o seu!

Estava tão novinho, macio e confortável que não parecia ser seu velho sapato. Sem saber o que dizer, constrangida, despediu-se do vendedor.
Quantas vezes, nos dispomos a pagar qualquer preço por um amigo alegre e jovial, que saiba cantar e tocar, e que esteja sempre disposto a nos acompanhar no clube, nas festas, enfim, o amigo de todos os momentos.
Nessa ansiosa procura experimentamos pilhas de desilusões e não percebemos que bem pertinho de nós está alguém que já se amoldou tanto ao nosso modo de viver que parece nem existir.
Ouve, aceita, caminha conosco.
Protege os nossos passos e o tratamos com descaso, como aquele calçado que usamos todos os dias e não cuidamos sequer de sua aparência. Nada de graxa protetora, nem ao menos um paninho úmido.

No entanto, na hora da desgraça, na angústia e na doença, ele não desaparece e ressurge como um anjo salvador, brotando de baixo daquela enorme pilha de falsos amigos.
A teoria diz que os melhores calçados são aqueles de maior custo, mas a prática mostra que os melhores amigos são aqueles que recebemos gratuitamente.

A verdadeira amizade, mesmo após muitos anos de uso, parece sempre nova.
Alguns pequenos arranhões são facilmente reparados com uma escova de brilho.

Algumas escovadinhas e reaparece o brilho do respeito e da compreensão. Reaparece o brilho do perdão.

AUTOR DESCONHECIDO

9 comentários:

Carolina Tavares disse...

Verdade! Muias vezes não damos o valor a quem sempre esta conosco!
Boa reflexão!
Bjs

ADRIANA disse...

Oi Alicinha!!!! Precisava ver isto hoje viu???? Palavras sábias que nos toca profundamente!!!!! Bju grande e fica com DEUS!!!

Clécia Ferreira disse...

Oi querida... que bom conhecer mais um espaço aconchegante...
Gostei da postagem tbm!!!
Amigos "verdadeiros", duradouros, são jóias raras, preciosas... mas, ainda existem... gostei muito viu?! fica com Deus!!! abraço!

maria selma disse...

Lindo texto que faz a gente refletir,
Beijos de luz

Lucinalva disse...

Olá Alicinha
Que linda mensagem, precisamos valorizar aqueles que estão perto. Tenha um dia abençoado.

Eveliny Lourenço | PV disse...

Oie Aliciinha *-*
Flor, obg por participar do meu blog, seja sempre bem-vinda ^^
Ain como assim que eu amei o seu blog? rsrs
Adoreei a postagem! Pura verdade! #fato
Precisamos reconhecer os tesouros que há do nosso lado!
Bjs. Que Deus te abençoe.

http://pontovirgulajc.blogspot.com/

Srt . Vasconcelos disse...

Maravilhoso esse texto!

Me pegou de surpresa, estava precisando exatamente desse conselho.

Estou seguindo seu blog, se puder seguir o meu.

Obrigado!

* Nanda * disse...

amo fazer e mante-las
amizade pra mim é um laço
que une as pessoas
laço de amor, carinho , companheirismo
linda tarde bjs

http://diariodevocional2012.blogspot.com/

Maria Alice Cerqueira disse...

Boa tarde amiga,
Venho lhe desejar uma linda semana coberta de muita paz e amor!
Sua presença é muito importante em meu cantinho, por esta razão veio lhe agradecer o seu carinho de sua amável visita sempre.
Assim que poder acesse o link
http://www.mariaalicecerqueira.com/2012/01/degustacao-do-livro-vida-nossa-de-cada.html
e leia a degustação do meu próximo livro! Vida nossa de cada dia!
Obrigada de todo o coração!
Abraço amigo
Maria Alice

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...